Manu Gavassi lançou, nesta sexta-feira (27), a nova música, "Eu Nunca Fui Tão Sozinha Assim". A faixa é uma parceria com o francês Voyou e tem na produção Lucas Fresno, vocalista da banda Fresno.

Manu divulgou uma carta aberta onde fala sobre sobre esse novo capítulo de sua carreira. "Por muito tempo fiquei com medo do que seria meu próximo álbum. Medo do que eu escrevia. Medo do que eu tinha pra falar. Medo de parecer ingrata demais no momento mais feliz da minha carreira mas mais estranho do mundo. E aí lembrei de todas as vezes que ouvir meus medos fez sentido… Um surpreendente total de zero vezes. Eu não sei dar nada que não seja visceral, nada que não seja completamente sincero. E foi por isso que escolhi “Eu nunca fui tão sozinha assim” pra começar a contar essa história. Porque foi exatamente assim que ela começou, cercada de expectativa e olhares sorridentes mas com uma solidão irreparável. Mas não mais... Espero que vocês se divirtam dançando com meu primeiro novo desabafo".

A faixa traz uma letra existencial, com a cantora fazendo diversos questionamentos e assim abordando a solidão. Soma-se a isso a produção certeira de Lucas com um estilo lofi.

Os créditos de composição da música trazem Manu, Lucas e Voyou.

Ouça "Eu nunca fui tão sozinha assim" com a letra na íntegra (incluindo os versos de Voyou) abaixo:





"Eu nunca fui tão sozinha assim"

O sol brilha lá fora mas tenho medo de sair
Quando vai voltar a ser normal existir?
Ouço uma canção que fala de amor e eu nem sei mais
Porque é estranho olhar no espelho e não me ver
Estranho esse constante medo de enlouquecer
Me escondo no meu pensamento pra não pirar
Nem escutar

O que falam de mim
Gostam de mim
Pessoas de máscara sorriem pra mim
E eu nunca fui tão sozinha assim
Falam de mim
Não sei se gostam de mim
Mas pessoas de máscara sorriem pra mim
E eu nunca fui tão sozinha assim

As nuvens choram lá fora, abro a janela pra ver
Poetas mortos me ensinam como sobreviver
Encontro uma antiga carta de amor e eu nem sei mais
Quem é, estranho olhar seu rosto e te querer
Estranhos me conhecem muito mais que você
Por isso a regra é não pirar
Nem escutar

O que falam de mim
Gostam de mim
Pessoas de máscara sorriem pra mim
E eu nunca fui tão sozinha assim
Falam de mim
Não sei se gostam de mim
Mas pessoas de máscara sorriem pra mim
E eu nunca fui tão sozinha assim

Y' a tout un monde dans ta tête
Qui passe pas derrière les caméras
Celui là tu le garde pour toi
Et ça fait, ça fait, ça fait
Ca fait des feux d'artitifice dans le noir
Des paradis cachés dans ta mémoire
Et ça fait du bien

Falam de mim
Gostam de mim
Pessoas de máscara sorriem pra mim
E eu nunca fui tão sozinha assim
Falam de mim
Não sei se gostam de mim
Mas pessoas de máscara sorriem pra mim
E eu nunca fui tão sozinha assim