Mais um importante veiculo que cobre o mundo da música divulgou a sua lista de melhores do ano. Agora foi a vez da redação da publicação digital Pitchfork liberar o seu ranking com as 100 músicas de 2018 e a vencedora foi "Love It If We Made It" do The 1975. Para o resenhista que comentou a faixa, "poucas bandas poderiam ter tentado algo tão audacioso e fazer com que isso soasse de maneira tão tocante - um prolongado momento de contato visual, moldado como um hino geracional", disse.

O ranking seguiu com "Honey", de Robyn, "Malamente (Cap.1: Augurio)" de Rosalía, "Nice For What" de Drake e "Pick Up" de DJ Koze (a relação completa está aqui). A lista do site com os álbuns do ano será publicada em breve.

Quem também já revelou os seus favoritos de 2018 foi a Entertaiment Weekly. Para a revista americana, as cinco melhores canções dos últimos 12 messes foram: "Make Me Feel" de Janelle Monáe (30° para a Pitchfork), "Apeshit" do The Carters (85°), "My My My!" de Troye Sivan (17°), "Nice For What" de Drake também em quarto lugar e "I Like It (Feat. Bad Bunny & J Balvin)" com Cardi B (23°).

Já os melhores álbuns foram os de Kacey Musgraves ("Golden Hour"), Cardi B ("Invasion Of Privacy"), Ariana Grande ("Sweetener"), Mitski ("Be The Cowboy") e Arctic Monkeys ("Tranquility Base Hotel & Casino")


Ouça "Love It If We Made It" do The 1975:



"Make Me Feel" de Janelle Monáe:



E o álbum de Kacey Musgraves