• Vagalume
  • A-Z
  • Estilos
  • Top 100
  • Playlists
  • Rádio
  • Hot Spots
  • Notícias
  • Mais sobre
    Siga o Vagalume
    Twitter Google+ YouTube Tumblr
    Publicidade

    Retrô Vagalume 2017: Os destaques dos grandes festivais

    Relembre quem brilhou no Lollapalooza e Rock in Rio

    Há 7 meses da Redação

    Vagalume letras
    Em 2017, o Brasil recebeu dois grandes festivais. O anual Lollapalooza no primeiro semestre e o Rock in Rio no segundo. O Lolla novamente trouxe em dois dias uma grande quantidade de artistas das mais variadas tendências, com muitos artistas mais cultuados e alternativos. O RiR manteve a tradição de sete noites com menos atrações por dia, mas com várias grandes estrelas no Palco Mundo. Abaixo relembramos os shows que se destacaram na nossa opinião.

    Lollapalooza dias 25 e 26 de março em São Paulo
    Em um festival que teve de Rancid a Baiana System. passando por Chainsmokers, Tegan and Sara, The Weeknd, Melanie Martinez e tantos outros, os headliners Metallica e Strokes e o Duran Duran, tocando no final da tarde do segundo dia, fizeram shows que marcaram.

    O Metallica confirmou a sua vocação de banda de grandes multidões. Agradando simultaneamente os fãs que foram até Interlagos apenas para vê-los e o público em geral, eles mesclaram canções do novo "Hardwired... To Self Destruct" com hits mais antigos e aqueles clássicos adorados por quem há anos segue o quarteto com afinco.

    Veja "Halo On Fire":



    Os Strokes mantiveram a postura cool e parecem estar conformados de que "Is This It?", o álbum de estreia de 2001, será para sempre o trabalho que os definirá perante o público. Tanto que das 17 músicas tocadas, nove saíram desse disco (com mais três do segundo, "Room On Fire", lançado em 2003). Quem cresceu escutando os discos certamente se emocionou e pôde confirmar que canções como "Last Nite" e "The Modern Age", já podem sim serrem tratadas como clássicos do rock.

    Ouça "Last Nite":



    O Duran Duran atrasou um pouco o seu show, privando o público de ouvir "Save A Prayer" (que tinha tudo para ser um dos grandes momentos do festival) e "Planet Earth". Ainda assim quem viu a veterana banda britânica pôde matar a saudade de "Rio", "Wild Boys", "Ordinary World" (com participação de "Céu), "Hungry Like The Wolf" e muitas outras, em um show nostálgico sim, mas deveras emocionante.

    Ouça "Ordinary World":



    Rock in Rio Dias 15, 16 e 17 e 21, 22, 23 e 24 de setembro

    O festival teve um final de semana mais pop e outro mais roqueiro. No primeiro o Maroon 5 acabou encabeçando duas noites depois que Lady Gaga não pôde vir, Shawn Mendes estreou no Brasil, Fergie chamou Pabllo Vittar ao palco e Alicia Keys emocionou em um show com muita soul music.

    No segundo o Guns 'N Roses fez aquele que muito certamente foi o mais longo da história do festival, enquanto os Tears For Fears fizeram o público voltar aos anos 80 e o Offspring aos 90. A edição deste ano foi encerrada Red Hot Chili Peppers, que voltarão em março, agora para fechar o Lollapalooza. Entre todos esses nomes, e outros, mais, destacamos esses quatro:

    Justin Timberlake
    Mesmo sem um disco novo na bagagem, o setlist foi bem semelhante ao visto em 2013 no mesmo festival, o americano mostrou que é um grande entertainer e dono de um repertório impecável que cresce muito no palco, graças a excelente big band que o acompanha.

    Ouça "Mirrors":



    Aerosmith
    A banda vem sempre ao Brasil, mas isso não impede que eles sempre atraiam dezenas de milhares de pessoas a cada nova passagem. Steven Tyler, Joe Perry e cia. talvez tenham frustrado um pouco quem esperava mais material dos anos 70, já que o show teve bem mais canções dos anos 80 e 90, além de covers de Beatles e Fleetwood Mac. Mas a competência da banda, o carisma de Tyler e a força que essas músicas ganham no palco são inegáveis.

    Ouça "Dream On":



    Bon Jovi
    O caso de amor entre o Bon Jovi e o Brasil vem de longe (eles vieram para cá pela primeira vez em 1990) e a banda sempre corresponde a essa afeição com um show repleto de hits, algumas canções novas e a presença sempre carismática de Jon Bon Jovi.

    Ouça "Bad Medicine":



    The Who
    O Rock in Rio conseguiu cobrir uma daquelas grandes lacunas que tínhamos em nossos palcos, ao trazer a banda formada na primeira metade da década de 60 ao país pela primeira vez. o guitarrista Pete Townshend e o vocalista Roger Daltrey, com seus músicos acompanhantes, fizeram um show enxuto e emocionante que passou por todas as fases da banda.

    Ouça "Who Are You" em vídeo feito por fã:



    Veja a próxima categoria: Os shows mais marcantes do ano

    Veja também: Todas as categorias
    Comente

    Notícias, curiosidades e conteúdos exclusivos
    do Vagalume para assistir e compartilhar