• Vagalume
  • A-Z
  • Estilos
  • Top 100
  • Playlists
  • Rádio
  • Hot Spots
  • Notícias
  • Mais sobre
    Siga o Vagalume
    Twitter Google+ YouTube Tumblr
    Publicidade

    Entenda a carreira de Elton John através de 10 de suas grandes canções

    Há 3 meses da Redação

    Elton John letras
    O retorno de Elton John ao Brasil é sempre motivo de comemoração, mais ainda dessa vez, em que ele chega acompanhado de James Taylor - que há mais de 15 anos não se apresentava por aqui.

    As duas grandes lendas da música moderna farão quatro apresentações no país. O giro começará em Curitiba (Pedreira Paulo Leminski, dia 31 de março ingressos aqui) e depois segue para o Rio de Janeiro (1° de abril na Praça da Apoteose, ingressos aqui), Porto Alegre (4 de abril no Beira-Rio, ingressos aqui) e termina em São Paulo no Allianz Park (dia 6 de abril, ingressos aqui).

    Nesse especial nós recordamos 10 grandes canções de Elton John que ajudam a contar a sua história. O fato de que poderíamos facilmente estender o texto para 20, 30 ou mais músicas, mostram a enorme quantidade de hits compostos por ele e seu principal parceiro, o letrista Bernie Taupin, nos quase 50 anos de sua carreira como solista. Na semana que vem será a vez de enfocarmos a também brilhante carreira de James Taylor

    "Skyline Pigeon" - 1969 - A versão presente no relativamente obscuro álbum de estreia "Empty Sky", foi gravada apenas com voz e piano e não chamou muito a atenção. Em 1972, Elton retornou à música, registrando-a desta vez com a sua banda. O registro acabou saindo no lado B do compacto com "Daniel".

    Curiosamente, a faixa acabou entrando na trilha da novela global "Carinhoso" e se tornou um incrível, e inusitado, sucesso nacional. Elton sabe que é muito identificado por aqui com essa música e sempre a inclui nos setlists de seus shows brasileiros (no resto do mundo ela raramente é tocada).



    "Your Song" - 1970 - Foi com essa canção, que abre o seu segundo álbum, que Elton de fato decolou, especialmente depois que seus primeiros shows nos EUA foram muito bem recebidos. A balada acabou se tornando um standard e o cantor não esconde o carinho que nutre pela composição, considerada por eel a sua música mais importante.



    "Tiny Dancer" - 1971 - A faixa que abre o complexo "Madman Across The Water" não chegou a fazer muito sucesso como single, mas sempre foi querida pelos fãs que conheciam a sua carreira mais à fundo. A música ganhou nova vida depois que foi usada em uma das cenas mais emblemáticas do filme "Quase Famosos" (2000). Isso explica o fato dela ter ganhado um disco de ouro nos EUA, 34 anos depois de seu lançamento original.



    "Rocket Man" - 1972
    Outro single queridíssimo, "Rocket Man" foi escrita na esteira do sucesso de "Life On Mars?" de David Bowie, em uma época em que canções de "temática espacial" eram bastante comuns. Depois de "Your Song" essa é a música que mais vezes ele tocou ao vivo.



    "Goodbye Yellow Brick Road" - 1973
    A faixa título do álbum que marca a fase de maior sucesso comercial e artística do cantor, quando ele se torna uma mega-estrela de enorme proporção e ganha o mundo emplacando uma série de sucessos e se tornando uma das faces mais emblemáticas daquela década, graças ao seu visual pra lá de extravagante - é a época dos óculos chamativos e de algumas roupas mais inusitadas já vistas na história da música.



    "Candle In The Wind" - 1973
    Também presente em "Goodbye Yellow Brick Road", essa balada se tornou um sucesso perene, mais ainda depois que ela foi regravada em 1997 com nova letra em homenagem à recém-falecida Princesa Diana.

    Essa nova versão foi lançada em compacto e se tornou o segundo single mais popular de todos os tempos, atrás apenas de "White Christmas" de Bing Crosby. As vendas estão estimadas em 33 milhões de cópias e todo o lucro gerado por ela foi destinado para diversas instituições de caridade que a Princesa geria ou apoiava em diversas partes do mundo.



    "Empty Garden" - 1981
    A chamada fase de ouro de Elton John durou até meados dos anos 70. Já as décadas de 80 e 90 foram marcadas por discos que ele mesmo confessa não gostar muito.

    Isso não significa que ele não tenha feito nada de destaque durante esse período. Longe disso, como comprova essa tocante homenagem a seu amigo pessoal John Lennon gravada em 1981, um ano depois da morte do ex-Beatle.

    É uma pena que ele não a toque muito ao vivo - ele alegou razões pessoais para isso, lembrando que ele conheceu Lennon, o que torna difícil para ele cantá-la nos shows.



    "I Guess That's Why They Call It The Blues" - 1983
    Outra grande balada, essa está em "Too Low for Zero" de 1982, seu provável melhor álbum daquela década (e da seguinte também) marcado pelos retornos da "Elton John Band" e também do letrista Bernie Taupin - desde 1979 eles ficaram afastados colaborando apenas esporadicamente.

    "I guess...", com participação especial de Stevie Wonder tocando harmônica, se tornou imediatamente um de seus grandes clássicos e presença obrigatória nos shows - ela é a quinta música mais tocada por ele ao vivo.

    Essa é uma das raras canções de Elton que contam com um crédito de parceria musical (no caso, o guitarrista Davey Johnstone). Normalmente ele escreve as suas melodias sozinho adaptando as letras que Taupin lhe envia (eles nunca compõem juntos).



    "Can You Feel The Love Tonight?" - 1994
    O lançamento de "A Pequena Sereia" em 1989 marcou um período de renascença para a Disney, que a partir dali, emplacou uma série de sucessos artísticos e comerciais. A aposta em projetos de qualidade, facilitou o acesso dos estúdios a nomes do primeiro time e foi assim que Elton John foi reunido com o letrista Tim Rice (famoso por trabalhar ao lado de Andrew LLoyd Webber em "Jesus Cristo Superstar" e "Evita") foram chamados para compor para "O Rei Leão (1994).

    Juntos eles escreveram cinco canções para o filme, que desde então fizeram, e fazem, parte da vida de milhões de crianças (e seus pais), como "Circle Of Life" e "Hakuna Matata". Das cinco a que foi mais bem sucedida foi "Can You Feel The Love Tonight?" que além de ser cantada pelos personagens no filme é usada também, agora na voz do cantor e compositor, durante os créditos finais. A música garantiu a Elton e Rice o Oscar de melhor canção original.



    This Train Don't Stop There Anymore - 2001
    O sucesso avassalador conseguido por Elton John na década de 70 lhe garantiu uma carreira eterna como artista de primeiro escalão, mesmo lançando discos não tão bem sucedidos. O cantor mesmo depois diria que lançou muitos trabalhos menores e que chegou um momento em que ele decidiu voltar a colocar mais esforço nos seus álbuns.

    Inspirado pelos novatos Ryan Adams e Rufus Wainwright, Elton gravou o inspirado "Songs From The West Coast" que foi saudado pela imprensa como o seu melhor álbum em décadas. Apesar de não ter vendido tanto quanto deveria, o disco acabou marcando um ponto de virada em sua carreira - todos os seus trabalhos posteriores são dignos de atenção, apesar de nenhum ter emplacado um grande hit nas rádios.

    "This Train Don't Stop There Anymore", mostrou que ele ainda sabia criar canções de tino clássico. O clipe também é brilhante, com um irreconhecível Justin Timberlake encarnando o extravagante Elton da década de 70.

    Comente

    Notícias, curiosidades e conteúdos exclusivos
    do Vagalume para assistir e compartilhar