Zé Mentira

Nenete & Dorinho


Sou violeiro afamado
Nasci pra ser cantador
Sou direito e sou valente
Foi herança que meu pai deixou

Zé Mentira sou chamado
Sempre foi meu apelido
Esta fama eu carrego
Desde moleque que sou conhecido

Pra cantar sou respeitado
Muitos desafio ganhei
Duvido que ainda apareça
Até hoje não encontrei

No caderno eu marco tudo
As proezas que passou
Sou direito e sou valente
Carrego herança que meu pai deixou

Já surrei muitos na briga
Numa folia de reis
Meu revólver até esquentou
De tantos tiros que eu dei

Sou o famoso Zé Mentira
Nem batizado eu não sou
Sou direito e sou valente
Carrego herança que meu pai deixou

Minha fama corre mundo
Mandei na minha cidade
Não é papo e nem garganta
Tão pouco barbaridade

Nos lugar que eu passei
Muitas morena chorou
Sou direito e sou valente
Carrego herança que meu pai deixou

(Pedro Paulo Mariano - Santa Maria da Serra-SP)

Compositor: Walter Amaral e Nenete

Letra enviada por

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a Nenete & Dorinho no Vagalume.FM

MIX DE MÚSICAS

ARTISTAS RELACIONADOS