Você

Nenete & Dorinho


Você que anda bebendo
A todos vive dizendo
Que bebe pra me esquecer
Devia ser mais sincera
Dizer que você não era
Capaz de me compreender

O luxo foi o culpado
De haver assim afastado
O seu carinho de mim
Maldita seja a bebida
Que transformou nossa vida
Num drama que não tem fim

Você que finge viver cantando
No copo vai naufragando
Os versos do seu pudor
E eu aqui nesta cela escura
Bebo a taça da amargura
Por matar um traidor


Você que finge viver cantando
No copo vai naufragando
Os versos do seu pudor
E eu aqui nesta cela escura
Bebo a taça da amargura
Por matar um traidor

(Pedro Paulo Mariano - Santa Maria da Serra-SP)

Compositor: Teddy Vieira/palmeira

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a Nenete & Dorinho no Vagalume.FM

MIX DE MÚSICAS

ARTISTAS RELACIONADOS