Viola de Pinho

Nenete & Dorinho


Viola de pinho, cordas de aço
Chora sentida encostada nos meus braços
Trina baixinho e eu me disfarço
Lembra os amores que ajudaram em meu fracasso

És minha alma, o meu viver
Tens o segredo do meu eterno sofrer
És diferente do bem querer
Que fere a gente aumentando o padecer

Viola de pinho tens coração
Dai-me alívio nesta triste solidão
Bojo de cedro ou canelão
Eu sofro muito sem a tua proteção

O meu amor nunca me quis
Foi tão fingida, assim o meu peito diz
Viola amiga, Deus é juiz
Contigo espero ser um dia bem feliz


Viola de pinho, cordas de aço
Chora sentida encostada nos meus braços
Trina baixinho e eu me disfarço
Lembra os amores que ajudaram em meu fracasso

És minha alma, o meu viver
Tens o segredo do meu eterno sofrer
És diferente do bem querer
Que fere a gente aumentando o padecer

(Pedro Paulo Mariano - Santa Maria da Serra-SP)

Compositor: Torrinha e Flor da Mata

Letra enviada por

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a Nenete & Dorinho no Vagalume.FM

MIX DE MÚSICAS

ARTISTAS RELACIONADOS