Página inicial > Sertanejo > N > Nenete & Dorinho > Terra Dos Pinheirais

Terra Dos Pinheirais

Nenete & Dorinho


Quando lá no sul distante
Disse adeus a terra dos meus pinheirais
Pensando me curar das mágoas
De tantos amores que eu deixei pra trás

Lembro que a campina verde
De um verde tão puro que só tem no sul
Foi ficando tão distante
Que seu lindo verde foi ficando azul
Foi ficando tão distante
Que seu lindo verde foi ficando azul

Adeus, adeus meus pinheirais
Adeus campinas de minha terra
Serra azul vista do campo
Campo azul visto da serra

O que se vê de muito longe
Se torna azul, bastante azul
É azul minha saudade
Minha saudade do sul
É azul minha saudade
Minha saudade do sul

Hoje que à ninguém mais quero
De morrer de amores já não sou capaz
E saibam que assim fui ficando
Porque amei bastante, porque amei demais

Não deixei meu campo à toa
Pela vida errante deste mundo à fora
Foi alguém que eu muito amava
Que com seu desprezo me mandou embora
Foi alguém que eu muito amava
Que com seu desprezo me mandou embora

Adeus, adeus meus pinheirais
Adeus campinas de minha terra
Serra azul vista do campo
Campo azul visto da serra

O que se vê de muito longe
Se torna azul, bastante azul
É azul minha saudade
Minha saudade do sul
É azul minha saudade
Minha saudade do sul

(Pedro Paulo Mariano - Santa Maria da Serra-SP)

Compositor: Abandonado

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a Nenete & Dorinho no Vagalume.FM

MIX DE MÚSICAS

ARTISTAS RELACIONADOS