Página inicial > Rap > N > Ndee Naldinho > 4.0 Turbinado

4.0 Turbinado

Ndee Naldinho


Entre a razão e a emoção de fazer um rap
Entre a razão e a emoção de cantar um rap
Em passar uma mensagem positiva pros irmãos
E quem sabe de repente tirá-lo da solidão
É o que faz sentido eu passar noites em claro
Pra que você possa refletir nos meus recados
E quem sabe mudar de atitudes erradas
Tomar um rumo na vida sem usar a quadrada
Porque a vida não é fácil tem vários obstáculos
O crucifixo é grande mas tem que carregá-lo
Nada é feito só de vitória ao lado
Tem derrotas e tem que vence-las para poder conquistar
a glória
Assim que é, a favela está carente irmão
Precisando de um bom som que bate na mente
Só vejo puta rebolando na quebrada
Molequinho ridículo se acha no som do Catra
Isso aqui é rap nacional original
E eu não vou me vender cantar igual capal
Ai favela é puro coração que vos fala
É o puro sentimento pra você não ir pra vala
Pro cê vê, nem te conheço mas te quero bem
Não quero pra você o que pra mim não convém
Não quero lágrimas de sangue nos teus olhos
Nem mãe chorando tendo que assinar seu óbito

Refrão:
Onde é que está o sentimento?
Onde é que está a revolução do movimento?
Onde é que está? Onde é que está? (2x)

Quantas vezes ouvi falar que o rap é compromisso
Infelizmente tá foda, hoje não vejo mais isso
Só vejo moleque visando dinheiro e fama (hã)
Se vende por qualquer moda e joga o rap na lama
O rap é pra vencedor que se põe na guerra
Pra moleque de atitude formar uma nova era
Que se arma de caneta, papel, conteúdo
E não pra cópias grinda que pra mim é um absurdo
E enche o som de grave e firula na fala
A boa ideia e o sentimento puro põe na vala
Me faz sentir, me bate uma saudade do tempo
Em que cantavam no sample mas existia talento
Cantavam pela razão, pela vida do irmão
Resgatar a favela e tirar o canhão da mão
Cantavam só pra nós, pro povo da favela
Hoje eles se venderam e esqueceram da minha terra
às vezes eu acho que eu escrevo é tudo em vão
Ao mesmo tempo eu paro, penso e entro em contradição
Se eu escrevo tem um sentido, motivo pra vida nem que
seja pra um só sair da vida bandida
E me orgulho do que eu faço, e faço por amor
Respeito, compromisso, lealdade o que for
desde que seja feito com mais puro sentimento
E unir o rap e a sinceridade e o talento

Refrão:
Onde é que está o sentimento?
Onde é que está a revolução do movimento?
Onde é que está? Onde é que está? (4x)

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a Ndee Naldinho no Vagalume.FM

MIX DE MÚSICAS

ARTISTAS RELACIONADOS