Um Chorinho

Nara Leão


Ai, ó meu amor, a sua dor
a nossa vida
Já não cabem na batida
do meu pobre cavaquinho

Ai, quem me dera, pelo menos um momento
Juntar todo sofrimento
pra botar nesse chorinho

Ai, quem me dera, ter um choro de alto porte
Pra cantar com a voz bem forte
Anunciar a luz do dia

Mas, quem sou eu
pra cantar alto assim, na praça
Se vem dia, e dia passa
e a praça fica mais vazia

Vem, morena
não me despreza mais, não
Meu choro é coisa pequena
mas roubado à duras penas
do coração

Meu chorinho, não é uma solução
Enquanto eu cantar sozinho
Quem cruzar o meu caminho
não pára, não

Mas eu insisto
e quem quiser que me compreenda
Até que alguma luz acenda
esse meu pranto continua

Junto meu canto,
a cada pranto
a cada choro
Até que alguem me faça coro
pra cantar na rua
(bis)

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a Nara Leão no Vagalume.FM

ÚLTIMAS

MIX DE MÚSICAS

ARTISTAS RELACIONADOS