Insônia

Namente NC

Namente


Varo o sono ao dia. Perturbação!
Nem a luz que brilha. Constelação!
Como o sol nos guia pelo clarão!
Vem na sombra fria. Quem nunca não!

Transpiram, o marginal
Transpiram, abstenção
Transpiram, a malandragem
Transpiram, o bem e o mal então!

Liberta a fantasia em adoção
Destrava a poesia no coração
Quem dá aos pobres fica com Deus nas mãos
Em dramatologia. Quem nunca não

Transpiram, o marginal
Transpiram, a insensatez
Transpiram, abstenção
Transpiram, a malandragem
Transpiram, o bem e o mal então!

Insônia

Letra enviada por hugo

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a Namente NC no Vagalume.FM

MIX DE MÚSICAS