Página inicial > Sertanejo > M > Milionário e José Rico > Quando Bate a Paixão (part. Daniel)

Quando Bate a Paixão (part. Daniel)

Milionário e José Rico


Quando a gente se apaixona
O coração vira uma zona
Bagunça o nosso peito
A tristeza é de dar pena
E não tem ponte de safena
Que consiga dar um jeito
O peito fica machucado
Quando não tem do seu lado
Quem tanto a gente ama
A doença da paixão
Derruba qualquer machão
Faz ele chorar na cama

Paixão é ternura e delícia
Quando há carícia entre dois amores
Mas no amor imperfeito
Ele arrasa o peito só causando dores
A paixão é um mistério
É um caso sério que machuca a gente
Quando bate a paixão não tem coração
Coração que agüente

Quanto a paixão tortura
Não tem nada que segura
Um coração machucado
Vem a tal disritimia
No galope da agonia
Deixa qualquer um pirado
A angústia e a solidão
São sintomas da paixão
Dói bem mais do que dor de dente
Não quero ser pessimista
Mas não tem cardiologista
Pra curar a dor da gente

Da paixão nasce o ciúme
Essa faca de dois gumes
Que corta peito de aço
Essa dor não tem remédio
Causa depressão e tédio
Coração vira um bagaço
Por causa dessa paixão
Saudade virou ferrão
Coração pede socorro
Tô vivendo esse castigo
E o que ela faz comigo
Não desejo pra um cachorro

Compositor: José Victor/Paulo Volk

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a Milionário e José Rico no Vagalume.FM

ÚLTIMAS

MIX DE MÚSICAS

ARTISTAS RELACIONADOS