Un Petit Cabanon (tradução)

Michel Orso


Um pequeno galpão


Conheço muitas pessoas

Quem, pensar grande na vida

Isso não é uma falha

Para ele deve ser o que é preciso

para mim, você vê

não precisa de mim

me, o meu sonho mais selvagem

limitado a isso e é isso


Um pequeno galpão

Não maior que um lenço

Um pequeno galpão

Na beira do mar sobre as rochas

Para viver é bom

Quando a piada para o seu telhado de suspensão

A bandeira alegre. Que

tapa em nossos céus azuis

No interior, sobre uma mesa, isso é tudo

Sim sobre a mesa, haverá, acima de tudo

aioli perfumado e cordial

cujo deleite é o provençal ganancioso

Portanto sem a menor cerimônia

Digo a mim mesmo lá na minha cuca

Felicidade, chá, bom!

Este é um pequeno galpão


É bom o seu barracão

soprado Me Cupido

Mas vai ser mais alegre

Quando vocês dois

Este é o meu grande desejo

Se você quer vir

Vai tornar-se um castelo

Se cantar em dueto


Um pequeno galpão

Não maior que um lenço

Um pequeno galpão

Na beira do mar sobre as rochas

Para viver, será bom

Se o amor paira sobre seu telhado

Sua luz pavilhão

Quando vemos os dois corações entrelaçados

Dentro de uma sala e é isso

Nessa sala, você precisa de uma cama especial

E naquela cama um travesseiro macio

E no travesseiro, que leva dois amantes!

Portanto sem a menor cerimônia

Digo a mim mesmo lá na minha cuca

Felicidade, chá, bom!

Este é um pequeno galpão

Un Petit Cabanon


Je connais des tas de gens

Qui, dans la vie voient grand

Cela n'est pas un défaut,

Car il faut ce qu'il faut.

Pour mon compte, voyez-vous,

Il m'en faut pas beaucoup

Moi, mon rêve le plus fou

Se borne à cela et c'est tout


Un petit cabanon

Pas plus grand qu'un mouchoir de poche,

Un petit cabanon

Au bord de la mer sur des roches

Pour vivre qu'il fait bon

Quand la blague à son toit accroche

Son pavillon joyeux

Qui claque dans notre ciel bleu.

A l'intérieur, sur une table, c'est tout

Oui mais sur cette table, il y faudra surtout

Un aïoli odorant et cordial

Dont se régalera le gourmand provençal

C'est pourquoi sans façon,

Je me dis là, dans ma caboche,

Le bonheur, té, mon bon !

C'est un tout petit cabanon.


C'est bien beau ton cabanon,

M'a soufflé Cupidon,

Mais il sera plus joyeux

Lorsque vous serez deux.

Celà est mon vif désir,

Si vous voulez venir,

Il deviendra un château

Si nous y chantons en duo.


Un petit cabanon

Pas plus grand qu'un mouchoir de poche,

Un petit cabanon

Au bord de la mer sur des roches

Pour vivre il fera bon

Si l'amour sur son toit accroche

Son pavillon léger

Où l'on voit deux coeurs enlacés.

A l'intérieur une chambre et c'est tout ;

Dans cette chambre-là, il faut un lit surtout,

Et dans ce lit un oreiller moelleux

Et sur l' oreiller, il faut deux amoureux !

C'est pourquoi sans façon,

Je me dis là, dans ma caboche

Le bonheur, té, mon bon !

C'est un tout petit cabanon.

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

MIX DE MÚSICAS