• Vagalume
  • A-Z
  • Estilos
  • Top 100
  • Playlists
  • Rádio
  • Hot Spots
  • Notícias
  • Play
    PLAY

    Doginha dentro do belem eo mesmo irmão
    Que comanda o jáu traficante
    Até liberdade moleque zika eo lulu
    E o canto a realidade represento dia apos
    Dia tipo guerrilha qualquer fita liga nois porque somos a sintonia

    Mó saudade do primo leon que a rota prendeu
    Estava distraído peço pra Deus me protejer em diadema
    E minerinho foi se.
    Tentativa de fuga
    Os verme chego enquadrou
    Mão na cabeça vai ladrao eu e o mineiro a rota levou

    Eu lembro cena por cena guardo tudo na minha memória
    Minerinho aqui no jáú você fez a sua história
    Depois das dez era seu plantão
    Mas num dia de quinta tudo mudou
    Você não queria trampar a tarde
    Tentou o acerto não adiantou

    Meio dia e vinte cinco lembro como se fosse agora
    Na esquina embicou a milhão
    Infelizmente era blazer da rota

    Ai que saudade do mineiro gaviao
    Não tá aqui com nois está dentro da prisao
    Tentei mandar um salve mas de nada adintou
    Assobiei mas você não me escutou
    Foi muito rápido não deu pra evitar
    Quando estava no camburão
    Geral começou a chorar

    Mas com esses verme tá ligado não tem dó
    Revistaram sua ponchete acharam a chave do mocó
    E outra fita tu passo antes de morrer
    O gai invadiu atirando
    Passo até no sbt
    Quem sabe do dodo chegaram aterrorizando
    Espalhando o terror deixou geral em panico

    Mineiro tá ligado é nois, por você bato no peito
    Civil te levou até então teria certo
    Mas dessa vez eles não "veio" pra brincar
    Pensamento de prender mas intenção de matar

    Graças a Deus você escapou
    Pra quem teve que sobrar e o Cesinha segurou
    De manhã cedinho passou no sbt
    Mostrou o rapagão tentando se esconder
    E câmeras escondidas no alto de um edificio
    Tu vai se libertar desse sofrimento maldito

    Mas Deus é bom e te deu uma esperançao
    Como motivaçao aqui fora tá sua criança
    Logo menos mineiro
    A liberdade vai cantar
    Seus parceiros aqui fora jamais vão te abandonar

    Cameras escondidas no alto de um edificio
    Tentando nos derrubar nos arrastando pro abismo
    Quem me proteje e Deus e nunca vai me deixar
    Sintonia a milhao na responsa o Ceará

    Trocando ideia com os parceiros
    E lembramos de você
    Atrai o respeito que quarquer um deseja ter

    No jau de ponta a ponta lado a lado era nois
    Mo saudade do mineiro eu quero escutar sua voz

    Câmeras econdidas no
    Alto de um edificio tu vai se libertar desse sofrimento maldito
    Deus me deixou ver
    Que essa não é sua sina
    Ser mais um traficante de cocaina

    Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção »

    Comente
    user 300 caracteres restantes. Enviar

    Todas as letras de Mc Daleste

    Publicidade
    Notícias
    Mais notícias »
    Hot Spot
    Top Músicas do Vagalume
    Top 100 »

    As informações deste site são postadas integralmente pelos usuários. É importante dizer que é possível que os dados estejam desatualizados ou incorretos, sendo assim, o Vagalume exime-se de qualquer responsabilidade sobre as informações publicadas.Caso haja interesse em remover ou alterar alguma informação, entre em contato conosco.


    É permitida somente a visualização no site das letras de músicas encontradas aqui, vedada sua reprodução através de quaisquer outros meios (Lei 9610/98).Todas as letras de músicas são propriedade dos seus respectivos autores e divulgadas somente para fins educacionais.All lyrics are property and copyright of their owners. All lyrics are provided for educational purposes only.