• Vagalume
  • A-Z
  • Estilos
  • Top 100
  • Playlists
  • Rádio
  • Hot Spots
  • Notícias
  • Play
    PLAY

    Coração de concreto e aço
    Mais já fui fraco e vulnerável
    Ludibriado, provei do puro veneno
    Dei origem ao ódio indomável
    Eu sei que nada e em vão
    Pensa que eu não vejo mais sua hora vai chegar
    Sofri pra estar onde estou
    E não vai ser você que vai me derrubar
    Eu sei quem quer meu bem, quem quer meu mal
    A sua falsidade ta voltando pra você
    O teu abraço, teu sorriso não me ilude
    Já ganhou demais está na hora de perder

    Vai segurando mané
    Essa eu fiz pra você
    Tu mudou sua face dia após dia
    Planto falsidade agora vai colher
    O pior inimigo se fez de amigo só eu que não vi
    Muitos avisaram mais não dei ouvidos foi assim que aprendi
    A viver nessa vida cheia de maldade e amigos em rivais
    Me furei no espinho para descobrir na verdade amigo e meu pai
    Me perdi no silencio e na solidão, esse e o desabafo do meu peito
    Segura revolta, hoje sou desse jeito

    Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção »

    Comente
    user 300 caracteres restantes. Enviar

    Todas as letras de Mc Daleste

    Publicidade
    Notícias
    Mais notícias »
    Hot Spot
    Top Músicas do Vagalume
    Top 100 »

    As informações deste site são postadas integralmente pelos usuários. É importante dizer que é possível que os dados estejam desatualizados ou incorretos, sendo assim, o Vagalume exime-se de qualquer responsabilidade sobre as informações publicadas.Caso haja interesse em remover ou alterar alguma informação, entre em contato conosco.


    É permitida somente a visualização no site das letras de músicas encontradas aqui, vedada sua reprodução através de quaisquer outros meios (Lei 9610/98).Todas as letras de músicas são propriedade dos seus respectivos autores e divulgadas somente para fins educacionais.All lyrics are property and copyright of their owners. All lyrics are provided for educational purposes only.