Página inicial > MPB > M > Matheus Prevot > Segredos do Silêncio

Segredos do Silêncio

Matheus Prevot


Como é longe a terra que eu gostaria de estar agora
E tão mais distante ela fica caso mais eu me aproxime
Será que é verdade que tudo nela é inalcançável?
Pode tanto não ter rumo, quanto não ter saída

Reparei um dia em quanto medo está dentro dela
Descobri que tinha a reposta em mim para tudo isso
Percebi que para se achegar é preciso calma
E todo amor cultivado ao longo da minha vida

No mais
Segredos encontrei
Guardados no silêncio perdido
Das ruas desse lugar

Não sei a que tempo eu me perdi pelo seu caminho
Nessa trajetória o chão havia se esvaído
Ficar à deriva pode trazer algum desespero
E o medo, é fato, havia me acometido

Mas se há algo nobre a se alcançar, isso é grandioso
E todo temor que se instaura logo é subtraído
Eu pousei num lago onde a água era a própria vida
E bebê-la faz mais doce cada simples momento

Letra enviada por Matheus Prevot

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a Matheus Prevot no Vagalume.FM

MIX DE MÚSICAS