Página inicial > Hip Hop > M > Matheus Maxxt > Consequências (Part. Yang Nsy)

Consequências (part. Yang Nsy)

Matheus Maxxt


Matheus Maxxt

As batidas não te tornam mais rap, com auditório
No meio da selva informativa o instrumento é acessório
Não molho, deixo simplesmente crescer sozinha
Até que um dia no rap pare de nascer florzinha
Love songs não por amor, e sim por fama
Luto por mais animação
E não por bagana
Né bacana!
Se engana
Na própria rima que diz ser digna
Seu desengano na verdade a gente que designa
Carta maligna fraca, melhor trocar pra outro flow
Pois em mim já não bota medo, o poder que já acabou
Não duvida da ideia bem vinda
A gente faz cá sua mente o que a tv não fez ainda
Não tem nenhum bonde dentro do nosso astral
Pois o verdadeiro james que achamos é o james brown
Querem ser manos, sem engano, reclamo
Mas mano você não vira se começar a falar mano
Sem terço, com a fé extensa seguindo em levada
É a terceira idade vendo a primeira inadequada
Verso pra quem contradiz
Até miss, lábia alada, pátria amada
Que é só mais um no quis
Nois quis, riqueza braveza é nem me diz
Ganhamos tristeza destreza e muita diss
E a falsa beleza até hoje não me quis
Esses mcs querem ser homens, tão mais pra baby lis

Yang Nsy

Eu também lutei, lutei, lutei
Dividi a dor do atentado sofrido
Eu chorei, chorei, chorei... sonhei
Que esse rap estava sendo regido

Passado sofrido, futuro infinito
Vou me tornar um mito
Daqueles que anos a frente vão contar a história
e o ouvinte vai falar... não acredito!

Como um bom filósofo refleti
Como um bom cientista aprendi
Como um bom homem bom te ergui
Como um bom melhor amigo não te deixei cair!

Tô com sono mais não consigo dormir
Fui assaltado e não consegui reagir
Como vou ter pena
de quem tirou algo que eu lutei meses pra conseguir
Onde ghandi achou paciência pra existir
Já saí do poço de ódio e a paz se tornou meu elixir

Todo ser humano perante a riqueza natural
vale menos que uma marmita
E bebo mesmo, jesus transformou a água em vinho
e não sukita (hahahahaha)
Curto esse conto e não infringi seus conceitos
então me da um desconto

Ou dez conto, já encosto no bar pra tomar um litrao
Imensa satisfação
Blindar copos de mão em mão
Bar é psicologia e cada noite é uma sessão
Uns falam que a vida é em vão
Outros que a mulher é o "cão"
Outros já nem lembram quem realmente são
E eu lá pivetão, falando que vou melhorar nossa nação!

Cada um é o que quer, onde estiver
Onde estiver, cada um é o que quer
As consequências vão de acordo
com o que você fizer, mas é o que você quer
Coloca a culpa na bebida por bater na mulher?
Depois acha que tudo isso passa
depois de apelar pra fé
A sociedade da salvação... né?

Decreto a lei do amor ao próximo
Independente se é religioso, ateu ou agnóstico
Homosexual, transexual ou gótico
Respeite! respeite porra, gênios descobrem o óbvio
Não tenha medo de ser o que no fundo você sente ódio

Compositor: Matheus Maxxt e Yang Nsy

Letra enviada por

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a Matheus Maxxt no Vagalume.FM

MIX DE MÚSICAS