Página inicial > Forró > M > Mastruz Com Leite

Letras

MIX DE MÚSICAS

ARTISTAS RELACIONADOS

FOTOS

mastruz-com-leite - Fotos
mastruz-com-leite - Fotos

+7

- Fotos

Tudo começou em novembro de 1990 na cidade de Fortaleza/CE, quando o empresário Emanuel Gurgel, que na época trabalhava com confecções e já tinha uma banda de baile chamada Banda Aquários, resolveu criar um grupo musical que tocasse exclusivamente o forró.

A idéia foi suficiente para dar inicio ao projeto que recebeu o nome de um time de handbool comandado pelo Emanuel nos tempos de faculdade que se chamava Mastruz com Leite. O time acabou e a banda herdou o nome.

No início o Mastruz tocava sempre nos intervalos dos shows da Banda Aquários. Com o tempo o grupo tornou-se a principal atração nas festas da capital cearense, sendo a pioneira a incorporar à sanfona, a zabumba e o triangulo, novos instrumentos como: o sax, o baixo, a guitarra e o teclado, levando para ao público uma composição inovadora e estilizada.

Pouco a pouco a banda foi conquistando seu espaço e atendendo as pretensões de Emanuel em revolucionar os padrões do forró. A banda ficou consagrada como a maior Banda de Forró do Planeta, pela sua estrutura e por realizar cinco horas de shows direto sem parar.

No dia 22 de dezembro de 1990, foi realizado o primeiro show do Mastruz como principal atração no Mangueira Clube em Fortaleza. O sucesso veio à tona e o grupo ficou conhecido, expandindo novos contratos de shows pelas principais cidades do interior do Ceará (Quixadá, Crato, Sobral, Iguatu, Crateús, etc), até chegar em Araripina/PE, onde ocorreu o primeiro show além das divisas do estado cearense.

Hoje a banda percorre o Brasil inteiro e já esteve em Ney Wark, Stanford e Massachusetts nos Estados Unidos, além de várias turnês em Genebra, Suíça, Lisboa, Porto e Zurique na Europa.

As primeiras gravações de shows do Mastruz eram feitas em um estúdio caseiro e vendidas em fita K7. Depois realizou se um trabalho profissional gravando a música ?Rei do Baralho?, seu primeiro sucesso musical. A partir daí gravaram o 1º LP (Arrocha o Nó) pela Continental. Logo depois veio o LP (Coisa Nossa), com a canção ?Meu Vaqueiro, Meu Peão?, estourada nas rádios projetando a banda no cenário nacional.

O Mastruz saiu dos LP?s e entrou na onda do CD. Discos e mais discos foram surgindo, totalizando 43 álbuns gravados pela SomZoom Studio, fora os projetos paralelos lançados em parceria com gravadoras famosas como: a Sony, a Polygram e a EMI. Elevando ainda mais a quantidade de CD?s lançados no mercado fonográfico.

Grandes nomes da música popular brasileira e nordestina foram homenageados pelo Mastruz ao longo dessa trajetória com a gravação de álbuns totalmente dedicados a Luiz Gonzaga, Roberto Carlos, Dominguinhos, Trio Nordestino, Jackson do Pandeiro, Pinduca, Carlos Santos e Peninha.

Nessa história de 19 anos o Mastruz já vendeu mais de 10 milhôes de cópias, além de receber discos de Ouro e de Platina, registrando esse resultado nos principais programas de TV em rede nacional, entre eles: Faustão, Planeta Xuxa, Xuxa Hits, Falcão na Contra Mão, Jô Soares, Hebe Camargo, Clodovil, Programa Livre, Vídeo Show, Sabadaço/Band, Mulheres na Tv Gazeta, Mexe Brasil, Ratinho, Bem Brasil, Ceará Caboclo, Sábado Alegre, Forrobodó, Muito Mais, Interativo (TvJornal-Recife), Clube Show (Band-Recife), Tribuna Show (Record-Recife), Pedro Paulo na Tv, Tony Show, Tarde Legal, Bagagge Livre, Tudo em Dia (Rede Estação-Recife) e vários outros programas nas emissoras de TV do país.

A ousadia é uma das marcas do Mastruz. Essa forma criativa de fazer a diversão do público levou pela primeira vez uma banda de forró a tocar em cima do trio elétrico no Carnaval de Salvador em 1995. A experiência adquirida reforçou convites para outras festas na Lavagem do Bonfim (BA), no Pré Carnaval de Fortaleza, na Micaredanga de Brasília (DF), Micarina (Teresina/PI), Pré-Carnaval de Fortaleza e tantas outras Micaretas espalhadas pelo Brasil até hoje com o Mastruz Elétrico.

Pernambuco foi privilegiado por duas vezes para ser palco da gravação dos dois DVD?s da banda. O primeiro projeto áudio visual do Mastruz aconteceu em Maio/2004, no Parque de Exposições do Cordeiro, no Recife, para uma multidão de aproximadamente 60 mil pessoas. Esse trabalho chegou à marca de 100 mil dvd?s vendidos.

O segundo DVD foi idealizado na cidade de Caruaru em Junho/2007, na abertura oficial do São João e nas comemorações de 150 anos da Capital do Forró. Estima-se que compareceu cerca de 100 mil pessoas no Pátio de Evento Luiz Gonzaga no dia da gravação, embalados pelos grandes sucessos do Mastruz.

Desde sua primeira formação a banda passou por várias reformulações, entre elas a mudança de componentes. Hoje o Mastruz conta com uma família de 15 músicos e vários outros funcionários que diariamente, dão sua parcela de contribuição numa extensa maratona de 20 a 25 shows por mês.

Bete Nascimento, Neto Leite, Raynner Rylker e Samila França (vocalistas), Urôa e Artur César (Bateria), Romério Bass (Baixo), Ricardinho (Guitarra), Fofinho (Teclados), Bem Te Vi, Carlinhos e Neto (Sanfona), Amédicio Jr (Sax), Enife (Trumpete) e Pica Pau (Trombone), Priscilene (Back Vocal), compõe a nova família Mastruz com Leite.

Atualmente o Mastruz ocupa seu lugar merecido. Contagiando crianças, jovens, adultos, idosos, pobres e ricos, sem perder a identidade e a qualidade musical. A mãe de todas as bandas - como é conhecida, desbravou muitos caminhos para ser a precursora de todo esse movimento musical, abrindo espaço para o surgimento de novos grupos até os dias atuais.

MASTRUZ É MASTRUZ !!!!

Fonte: Site oficial