PĂĄgina inicial > M > Marcos Ungaretti > Cidade Dos Anjos

Cidade Dos Anjos

Marcos Ungaretti


Na cidade das trevas, vivem anjos escravos...
Que lambem os pratos, e os restos dos brutos...
Se vocĂȘ vir um anjo, atirado na sarjeta...
É melhor nĂŁo olhar, vocĂȘ pode se apegar...

Se perceber, que ele Ă© igual a vocĂȘ...
Que todos somos anjos...Todos somos anjos...
(Anjos, anjos, anjos...Todos somos anjos...)

Todos somos anjos, mas vivemos disfarçados...
SĂł perdemos o disfarce, quando estamos na sarjeta...
VocĂȘ tem que se cuidar, para nĂŁo se apaixonar...
Pois os anjos e os brutos se completam de verdade...

Ele Ă© igual a vocĂȘ, todos somos anjos...

Na cidade das trevas, vivem anjos escravos...
Que lambem os pratos, e os restos dos brutos...
Se vocĂȘ vir um anjo, atirado na sarjeta...
É melhor nĂŁo olhar, vocĂȘ pode se apegar...

Se perceber, que ele Ă© igual a vocĂȘ...
E todos somos anjos...

(Anjos, anjos, anjos...)
Todos somos anjos...
Todos somos anjos...

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta mĂșsica

Ouça estaçÔes relacionadas a Marcos Ungaretti no Vagalume.FM

MIX DE MÚSICAS