Página inicial > M > Marcos Ungaretti > Amigos ElÉtricos

Amigos ElÉtricos

Marcos Ungaretti


QUANDO DESCOBRI QUE ERA ETERNO,
PERDI O MEDO DAS COISAS PASSAGEIRAS.
VI NAS MINHAS MÃOS,
A FORÇA DA ENERGIA,
QUE BUSCO DEIXAR FLUIR,
COM AMOR E SABEDORIA.

QUAL O HORIZONTE QUE ME ESPERA?
QUAL A SAUDADE QUE EU VOU SENTIR?
TRISTEZA NÃO É DOR,
QUANDO SE É ETERNO,
E NEM A ALEGRIA,
O VERÃO E O INVERNO.

ABENÇOADA HORA DE CHORAR,
E SENTIR O ARREPIO,
COM O PEITO ABERTO,
LIVRE PRA VOAR.

SOLIDÃO NÃO HÁ,
MEUS AMIGOS ELÉTRICOS,
VÃO ILUMINAR,
QUALQUER DIREÇÃO.

ENXERGAR É VER QUE O QUE SE VÊ,
NEM SEMPRE ESTÁ LÁ,
E O QUE ESTÁ POR LÁ,
NEM SEMPRE SE VÊ.

QUANDO DESCOBRI QUE ERA ETERNO,
PERDI O MEDO DAS COISAS PASSAGEIRAS.
E O QUE IMPORTA É SABER,
QUE A LUZ QUE ME ILUMINA,
ME LEVA PRÁ LÁ.

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a Marcos Ungaretti no Vagalume.FM

MIX DE MÚSICAS