Página inicial > Pop/Rock > M > Marco Zero > Saias Curtas

Saias Curtas

Marco Zero


Quando a noite cresce
Esquece tudo que não presta
Agora isso já não é mais, ficou para trás
Elas estão chegando
Ninguém sabe o que elas estão tramando
Agora perfumes, piercings, saias curtas

O que elas querem, elas não pedem
O que elas vestem, me enlouquecem
Louras, morenas, mulatas,
Atirando para todos os lados
Agora cuidado que elas estão na festa
Cuidado que elas estão na festa

O mundo está girando
É tarde pra escapar
Acho que estou notando
Ela me olhar... quem sabe?

Aí, então... como é bom te conhecer

Quando a noite ferve
O mundo inteiro se estremece
Agora por aqui ninguém, é de ninguém
Sussurros e gemidos
Gritados ao pé do ouvido
Agora seios, braços, beijos, coxas

O que elas mexem, quando elas mexem
Quando adormecem, é bom não mexer
Acorda no meio da madrugada
E me faz repetir a dose
Agora, por trás ela se realiza
Por trás ela se realiza

Já está amanhecendo
Eu não quero acordar
Mas não tem mais jeito
Ela não está mais lá... quem sabe?

Aí, então... foi tão bom te conhecer

Compositor: Nenê

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a Marco Zero no Vagalume.FM

MIX DE MÚSICAS

ARTISTAS RELACIONADOS