Página inicial > Fado > M > Marco Rodrigues > A Rima Mais Bonita

A Rima Mais Bonita

Marco Rodrigues


"Cansei-me dos poemas que escrevi
mas não tive coragem de os rasgar.
São versos, meu amor...falam de ti
mesmo que, às vezes, finjam não falar.

São versos, meu amor...falam de ti
mesmo que, às vezes, finjam não falar.

O Fado quando chegou à noitinha
ficou todo contente por me ver.
Pediu-me versos novos e eu não tinha,
rasguei-os antes mesmo de os escrever.

Pediu-me versos novos e eu não tinha,
rasguei-os antes mesmo de os escrever.

Agora quando o Fado me visita
já trás poemas feitos de tristeza.
Cansado, escolhe a rima mais bonita,
e deixa-a esquecida sobre a mesa.

Cansado, escolhe a rima mais bonita,
e deixa-a esquecida sobre a mesa.

Então, chega a saudade e eu regresso
às quadras que não tinha terminado.
São versos, meu amor, quando os começo
mas assim que os acabo já são Fado.

São versos, meu amor, quando os começo
mas assim que os acabo já são Fado."

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a Marco Rodrigues no Vagalume.FM

MIX DE MÚSICAS

ARTISTAS RELACIONADOS