O Boi

Marcelo Torca


Lá vem o boi
Mugindo como só ele
Será que está alegre
Ou será que a vaca está no cio
Ele se contenta com pouco
Só precisa de comida sombra e água
E se possível for uma vaca para dar prazer
Não se importa de trabalhar pesado
Não se importa de tomar sereno
Todo dia que é requisitado
Está ali
Para atender com todo préstimo

Mas se no final do mês
O dinheiro não é suficiente
Mugi mais forte
Para alguém colocar mais ração
Mas é apenas
Para não morrer de fome
Pois um boi que anda
Pode votar
E manter o sistema
De botar ração
Assim o boi
Não morre de fome
Mas também não sai
Do cercado onde vive
Até que um dia
Chega o dia de ir para o abate
Ele viveu apenas
O que alguém permitiu
E quando não foi mais útil
Apenas o descartaram
Pois afinal de contas
Tem mais assalariados por aí
Que passam fome
Mas não lutam pela independência
Pois não conseguem compreender
A importância que tem
De ser livre
Boi
Boi
Boi!

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a Marcelo Torca no Vagalume.FM

MIX DE MÚSICAS

ARTISTAS RELACIONADOS