Guia

Marcelo Junckes


Guia

Viver, no limite do absurdo!
É sinal de que o além, muito além é logo ali.

Sorrir, quando a tristeza vem tão forte,
E ter encosto na esperança
Amanhecer feito criança
É o que descansa o meu pesar

Amar, é sentir a mão tremer;
Quando tocar o bem querer
Por um instante, da primeira vez.

E o sussurro do mudo!
O ruído do surdo!
É o vulto do cego!
O calor do mais frio!

O infinito tão perto!
É saber que está vivo!
A virtude do esperto!
E a moeda que afaga o mendigo!


Sofrer, é o grande exame da vida!
Feito coisa derretida que se condensa com saber

É entender que um passo é muito pra quem nunca pode andar!

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a Marcelo Junckes no Vagalume.FM

MIX DE MÚSICAS

ARTISTAS RELACIONADOS