Página inicial > M > ManuBida > Sonhador

Sonhador

ManuBida


Sonhador, sonhador, sonhado, sonhador
Sonhador sem a dor, vai compor, vai compor
Sonhador, sonhador, sonhador, sonhador
Acordo dessa dor, vai compor vai compor

Aquele que quando crescia
Quase sempre percebia
Aquilo que lhe servia
Na sua mente ficaria
Aquilo que nunca ouvia
Nunca desapontaria
Mais é o que tu queria
E é tudo que tu teria
É só um cara recente
Com fala que não mente
Aquele que sempre sente
Só um cara do presente
Diz que é independente
Mas depende dessa gente!
Esquece os dias duros
Entre passado e o futuro
Moleque pulava muro
Pra ele isso era seguro
Mais hoje se vê no mundo
E não é mais imaturo
Na cidade o ar não é puro
E os bosques são escuros

Mais a questão não é essa esse rap é uma preza
E aqui uma pessoa ora por aquela chora

Sonhador, sonhador, sonhado, sonhador
Sonhador sem a dor, vai compor, vai compor
Sonhador, sonhador, sonhador, sonhador
Acordo dessa dor, vai compor vai compor

O calibre é a tinta da caneta
O timbre do volume 70
As palavras é o que sustenta
Sonho e ostentação te tenta
Cantando tu representa
Escrevendo se concentra
E querendo tu se lembra
Que a vida não é nada simples
Que a ida pode ser triste
O dinheiro às vezes impede
Orgulhoso diz que não perde
Mas é assim que se consegue
Então cabeça para frente
Agora tu se concentre
Chamado de delinquente
Então mostra para essa gente
Desse assunto tu entende
Mas o mundo não se vende

Esse verbo não é a prova
Não é nem verso não é nem prosa
E aqui uma pessoa ora por aquela chora

Sonhador, sonhador, sonhado, sonhador
Sonhador sem a dor, vai compor, vai compor
Sonhador, sonhador, sonhador, sonhador
Acordo dessa dor, vai compor vai compor

Penso e componho é extenso meu sonho
E quero ele de novo acordando do sono
Concluo que posso o limite eu detono
Independente do que você fala
Ninguém é diferente isso não me abala
Então meu sonho se torna meta
Ponho em prática o que desejo
E um novo sonho aparece com peso
A vida contorna de maneira certa
Como uma espada fincada na pedra
As forças aos poucos que vem se coleta
O resultado eu sempre vejo
Pelo mundo explore e ganhe um beijo
O tempo voa então não demore
Desse sono eterno espero que tu acorde
Talvez você até chore
Sendo mulher ou homem amigos às vezes somem
Não fica triste em raiva transforme
Não deixe que brilho que cobre te roubem
Quando você levanta da cama
Seus olhos se tornam logo uma chama
E alguém que te chama para levanta
Você diz que ama sai para canta, sai para canta

Sonhador, sonhador, sonhado, sonhador
Sonhador sem a dor, vai compor, vai compor
Sonhador, sonhador, sonhador, sonhador
Acordo dessa dor, vai compor vai compor

Letra enviada por ManuBida

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a ManuBida no Vagalume.FM

MIX DE MÚSICAS