Clandestino (tradução)

Manu Chao

Rádio Bemba Sound System: Live


Clandestino


Sozinho vou com minha dor

Escolho minha sentença

Correr é meu destino

Para burlar a lei


Perdido no coração

Da grande babilônia

Me chamam de clandestino

Por não ter documento


Pra uma cidade do norte

Eu parti para trabalhar

deixei minha vida

Entre Celta e Gibraltar


Sou uma arraia no mar

Fantasma da cidade

Minha vida é proibida

Disse a autoridade


Sozinho vou com minha dor

Escolho minha sentença

Correr é meu destino

Por não ter documento


Perdido no coração

Da grande babilônia

Me chamam de clandestino

Eu sou o "Quebra Lei"


Mano Negra clandestina

Peruano clandestino

Africano clandestino

Maconha ilegal


Sozinho vou com minha dor

Escolho minha sentença

Correr é meu destino

Para burlar a lei


Perdido no coração

Da grande babilônia

Me chamam de clandestino

Por não ter documento


Argelino clandestino

Nigeriano clandestino

Boliviano clandestino

Mão Negra ilegal

Clandestino


Solo voy con mi pena

Sola va mi condena

Correr es mi destino

Para burlar la ley


Perdido en el corazón

De la grande Babylon

Me dicen el clandestino

Por no llevar papel


Pa' una ciudad del norte

Yo me fui a trabajar

Mi vida la dejé

Entre Ceuta y Gibraltar


Soy una raya en el mar

Fantasma en la ciudad

Mi vida va prohibida

Dice la autoridad


Solo voy con mi pena

Sola va mi condena

Correr es mi destino

Por no llevar papel


Perdido en el corazón

De la grande Babylon

Me dicen el clandestino

Yo soy el quiebra ley


Mano Negra clandestina

Peruano clandestino

Africano clandestino

Marijuana ilegal


Solo voy con mi pena

Sola va mi condena

Correr es mi destino

Para burlar la ley


Perdido en el corazón

De la grande Babylon

Me dicen el clandestino

Por no llevar papel


Argelino clandestino

Nigeriano clandestino

Boliviano clandestino

Mano Negra ilegal

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

ÚLTIMAS

MIX DE MÚSICAS

ARTISTAS RELACIONADOS