Página inicial > M > Maneco Doria > Nono Beija Flor

Nono Beija Flor

Maneco Doria


Nono Beija Flor
É servente de pedreiro
Trabalha o ano inteiro
Pra ganhar o pão
Nono Beija Flor
O apelido ele ganhou
Quando lá escorregou
E parou no ar

Estava no 22º andar
Levava um balde de massa
Quando escorregou
Preso no cinto não minto
No ar parou
Alto bem longe do asfalto
Ele balançou... ele balançou

Nicanor Adolfo Dias
Seu nome na certidão
Tem seis filhos e Maria
Lá no alto Boqueirão
Pedalando o ano inteiro
Ele trabalha todo dia
Na marmita arrumada
O capricho da Maria

Empilha tijolo
Ajuda na massa
Peneira areia no chão
Carrega entulho
Esquenta comida
Puxa carrinho de mão

Quando volta do trabalho
Passa no bar do Tinoco
Na sacola leite e pão
Como de pinga na outra mão
No balcão do Tinoco
Ele encosta todo dia
Fala sempre das crianças
E das rezas da Maria

Empilha tijolo... (refrão

Quando vai pra casa
Cantando ele vai
Tropeça na lua
Balança na rua
Balançando ele vai

Quando vai pra casa
Cantando ele vai
Pede um beijo pra lua
Ganha um beijo da rua
Balançando ele cai
Pede um beijo pra lua
Ganha um beijo da rua
Balançando ele cai

Letra enviada por Maneco Doria

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a Maneco Doria no Vagalume.FM

MIX DE MÚSICAS