Página inicial > Rock > M > Magazine/Kid Vinil > Carne de Pescoço

Carne de Pescoço

Magazine/Kid Vinil


Em plena rua aurora,
Meu carro pifou!
Xingando em Italiano,
Fui olhar o motor!
A tampa dava choque,
Uma fumaça danada,
Eu fui pedir auxílio
A uma moça ali parada!

Tem gente que já nasce com a vida abençoada!
Se perde um Ministério, sempre pinta uma Embaixada!
Os caras do meu time sempre jogam no sufoco,
Em ceia de ano novo, comem carne de pescoço!

Que tal um programinha?
Tão singela, perguntou.
Depois, até quem sabe!
Olá, dançou o meu motor!
Eu tenho um amigo,
Dono da borracharia,
É logo ali na esquina,
Fica aberto noite e dia!

Tem gente que já nasce com a vida abençoada!
Se perde um Ministério, sempre pinta uma Embaixada!
Os caras do meu time sempre jogam no sufoco,
Em ceia de ano novo, comem carne de pescoço!

Briguei com a tampa azeda,
Eu com jeito de otário
Tô de frente com o dono
Um criollo tipo armário.
Olhou pro Maverick,
Com ares de entendido,
Depois, para o meu bolso!
Eu saquei que era bandido!

Tem gente que já nasce com a vida abençoada!
Se perde um Ministério, sempre pinta uma Embaixada!
Os caras do meu time sempre jogam no sufoco,
Em ceia de ano novo, comem carne de pescoço!

Sete da matina,
Vive livre do aperto!
Tive de dar o carro
Pra pagar o conserto!
Acompanhava a moça,
Não tão moça à luz do dia!
Me pinta uma barca,
Dormi na delegacia!

Tem gente que já nasce com a vida abençoada!
Se perde um Ministério, sempre pinta uma Embaixada!
Os caras do meu time sempre jogam no sufoco,
Em ceia de ano novo, comem carne de pescoço! (x2)

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a Magazine/Kid Vinil no Vagalume.FM

ÚLTIMAS

MIX DE MÚSICAS

ARTISTAS RELACIONADOS