Página inicial > Reggaeton > M > Macaco > tengo > Tradução

Tengo (tradução)

Macaco


Tengo


eu tenho, e eu mantenho o que eu tenho

à base de amor e fé

Sinto, que se não estás, não sopra o vento

talvez fora sim, mas não dentro de mim

venho sem bagagem e só com a roupa do corpo

E essa canção meu remédio, vitamina para viver

volto e acelero se estás longe

piso no freio quando passas junto a mim


A melodia de uma rumba

me disse o segredo não está na tumba mas no viver

e vivendo a todo vapor

Esqueça caminhar devagar e as feridas dos meus pés sentí

Não cantarei ao que desconheço

só o que entrou no fundo como o poço do vinho que bebí

E antes de ficar bêbado brindarei olhando nos seus olhos

E gritarei; O segredo é o amor que sinto por você


eu tenho, e eu mantenho o que eu tenho

à base de amor e fé

Sinto, que se não estás, não sopra o vento

talvez fora sim, mas não dentro de mim

venho sem bagagem e só com a roupa do corpo

E essa canção meu remédio, vitamina para viver

volto e acelero se estás longe

piso no freio se passas junto a mim


A primeira lição aprendi

Mas esqueça o caderno ao sair

E na escola da vida, não se pode repetir

Então vou com lápis na mão

tomando nota e silenciando

As vezes é melhor não falar

Aprendi a 'levantar velas'

Aguentar a maré

e a quebrar as ondas do mal viver

E se o vaso está meio cheio meio vazio, minha menina

Só depende de você e de mim


E não é mais rico, o que mais leva

senão o que algo têm e o conserva

sem esfriar, sem esquecer numa caixa

E não há maior tesouro

que o que guardas em seu coração

Nao num bolso triste de uma calça


eu tenho, e eu mantenho o que eu tenho

à base de amor e fé

Sinto, que se não estás, não sopra o vento

talvez fora sim, mas não dentro de mim

venho sem bagagem e só com a roupa do corpo

E essa canção meu remédio, vitamina para viver

volto e acelero se estás longe

piso no freio quando passas junto a mim

Tengo


Tengo, y lo que tengo lo mantengo

A base de amor y fe

Siento que si no estas no corre el viento

Quizás afuera si pero no dentro de mi

Vengo sin maletas con lo puesto

Y esta canción mi remedio vitamina para vivir

Vuelvo y acelero si estas lejos

Pongo el freno cuando pasas junto a mí


La melodía de una rumba

Me dijo el secreto no esta en la tumba sino en el vivir

Y viviendo a todo trapo

Olvide caminar despacio y las heridas de mis pies sentí

No cantare a lo que desconozco

Solo a lo que entro en el fondo como el pozo del vino que bebí

Y antes de emborracharme brindare mirando a tus ojos

Y gritare el secreto es el amor que siento por ti.


Tengo, y lo que tengo lo mantengo

A base de amor y fe

Siento que si no estas no corre el viento

Quizás afuera si pero no dentro de mi

Vengo sin maletas con lo puesto

Y esta canción mi remedio vitamina para vivir

Vuelvo y acelero si estas lejos

Pongo el freno cuando pasas junto a mi


La primera lección aprendí

Pero olvide el cuaderno al salir

Y en la escuela de la vida no se puede repetir

Así que voy lápiz en mano

Tomando notas y callando

A veces es mejor no decir

Aprendí alzar las velas

Aguantarle a la marea

Y a romper las olas del mal vivir

Y es que el vaso medio lleno medio vacío, mi niña

Solo depende de ti y de mí


Y no se es más rico el que más lleva

Sino el que algo tiene y lo conserva

Sin enfriarlo, sin olvidarlo en un cajón

Y no hay mayor tesoro

Que el que guardas en tu corazón

No en el bolsillo triste de un pantalón


Tengo, y lo que tengo lo mantengo

A base de amor y fe

Siento que si no estas no corre el viento

Quizás afuera si pero no dentro de mi

Vengo sin maletas con lo puesto

Y esta canción mi remedio vitamina para vivir

Vuelvo y acelero si estas lejos

Pongo el freno cuando pasas junto a mí

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

ÚLTIMAS

MIX DE MÚSICAS

ARTISTAS RELACIONADOS