Página inicial > Indie > L > Lume > Dinos e Baleias

Dinos e Baleias

Lume


E os dinossauros ainda me encantam
Como se eu fosse uma criança
(aquela infância)
E a imensidão do universo que
Só de imaginar até me cansa
(uma herança)

E as baleias colossais que ao nadar
Nos convidam pra essa dança
(linda bonança)
Entre arranha-céus everestes
E babels que nos tiram a confiança
(desconfiança)

Por ser tão pequeno, menor que um segundo
E perder tanto tempo, com as tolices do mundo
Mega megalovertigem me deixa ver
Uh tão grande é um ser gigante pra guliver
Somos só migalhas a varrer
É uma imensurável jupiteriana

Translação que se avança
(com elegância)
São godzillas, king kongs, megazordes
Que só querem sua vingança
(sua dissonância)
E os mamutes vultosos pré-históricos
Se foram com a matança
(é a ganância)
É a sapiente ignorância em achar
Que somos a liderança
(insegurança)

Por ser tão pequeno, menor que um segundo
E perder tanto tempo, com as tolices do mundo
Mega megalovertigem me deixa ver
Uh tão grande é um ser gigante pra guliver
Somos só migalhas

A última fornalha
Vista sua mortalha
Somos só migalhas a varrer

Compositor: Renan Gimenez, Lucas Soares, Isabella Poianas, Lume

Letra enviada por Lume

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a Lume no Vagalume.FM

MIX DE MÚSICAS