Eliane

Luísa Sonza

Pandora


Bom poder te ver sonhar
Tão bom quanto o nascer do dia
Lembro das histórias que eu te ouvi contar
Seria

Eu sei que não vão mais voltar
Os pedaços que arrancaram de mim
Não tenho culpa e nem como culpar
Há tanto tempo as coisas são assim

Não estou mais sozinha
Sei que te tenho agora
A dor não é só minha
Você me deu coragem
E a porta da minha alma
Se abriu pra liberdade
E o medo de ser tarde
Se transformou em calma

Me dê sua mão
Não vou deixar
Se machucar
E te devolvo de volta em ti
Viver em paz
Sem dó demais
E respirar
E sentir que você é capaz

E sorrir
E sorrir
E sorrir
E sentir que você é capaz

E sorrir
E sorrir
E sorrir
E sentir que você é capaz

Me dê sua mão
Não vou deixar
Se machucar
E te devolvo de volta em ti
Viver em paz
Sem dó demais
E respirar
E sentir que você é capaz

E sorrir
E sorrir
E sorrir
E sentir que você é capaz

E sorrir
E sorrir
E sorrir
E sentir que você é capaz

E sorrir

Adicionar à playlist
Tamanho
A
A
Cifra
Imprimir
Corrigir

Compositor: Francisco Gil / Luísa Sonza

Letra enviada por

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a Luísa Sonza no Vagalume.FM

ÚLTIMAS

MIX DE MÚSICAS