Lucas Lucco
Página inicial > Sertanejo > L > Lucas Lucco > Boquinha de Cerveja

Boquinha de Cerveja

Lucas Lucco


Quem bebia coca-zero
Agora tá bebendo long neck
Quem chegava cedo em casa
Agora só chega quando amanhece

Falava mal do meu bafo de cana
Agora beija a minha boca
E diz que ama
Pra quem não dormia fora de casa
Agora dorme toda noite na minha cama

É que você se apaixonou
Na minha boquinha de cerveja
E agora não tem jeito
Depois que provou meu beijo
Outra boca cê não beija

É que você se apaixonou
Na minha boquinha de cerveja
E agora não tem jeito
Depois que provou meu beijo
Outra boca cê não beija

Outra boca cê não beija

Falava mal do meu bafo de cana
Agora beija a minha boca
E diz que ama
Pra quem não dormia fora de casa
Agora dorme toda noite na minha cama

É que você se apaixonou
Na minha boquinha de cerveja
E agora não tem jeito
Depois que provou meu beijo
Outra boca cê não beija

É que você se apaixonou
Na minha boquinha de cerveja
E agora não tem jeito
Depois que provou meu beijo
Outra boca cê não beija

É que você se apaixonou
Na minha boquinha de cerveja
E agora não tem jeito
Depois que provou meu beijo
Outra boca cê não beija
Outra boca cê não beija

Letra enviada por

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a Lucas Lucco no Vagalume.FM

ÚLTIMAS

ESTAÇÕES