Página inicial > Romântico > L > Luan Santana > Vergonha Na Cara

Vergonha Na Cara

Luan Santana

Luan Santana - Acústico


Já é madrugada e nem sinal de sono
Ouço o silêncio do meu coração
O meu pensamento busca algum sentido
Pra juntar as fotos que joguei no chão

E não é legal quando você acorda
E vê que é tarde demais pra deixar
E quando a gente ama assim é foda
Não vejo a hora de te encontrar

Me ignora, manda embora, traz de volta
Eu não tomo vergonha na cara
Eu te amo e assumo
Pois você também não vale nada

Manda embora, traz de volta
Eu não tomo vergonha na cara
Eu te amo e assumo
Pois você também não vale nada

Já é madrugada e nem sinal de sono
Ouço o silêncio do meu coração
O meu pensamento busca algum sentido
Pra juntar as fotos que joguei no chão

E não é legal quando você acorda
E vê que é tarde demais pra deixar
E quando a gente ama assim é foda
Não vejo a hora de te encontrar

Me ignora, manda embora, traz de volta
Eu não tomo vergonha na cara
Eu te amo e assumo
Pois você também não vale nada

Manda embora, trás de volta
Eu não tomo vergonha na cara
Eu te amo e assumo
Pois você também não vale nada

Manda embora, traz de volta
Eu não tomo vergonha na cara
Eu te amo e eu assumo
Pois você também não vale nada

Nem eu
Pois você também não vale nada!
Nem eu, nem eu
Eu não tomo vergonha na cara!

Letra enviada por Fernando Jun Nakazaki

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a Luan Santana no Vagalume.FM

ÚLTIMAS

MIX DE MÚSICAS

ARTISTAS RELACIONADOS