Página inicial > MPB > L > Léo Pinheiro > Sol da Madrugada

Sol da Madrugada

Léo Pinheiro

Sol da Madrugada


Eu vi o sol da madrugada
Piscar pro olho d'água
Que olhava um trem
Que andava doido numa estrada

Onde eu caminhava e não via ninguém
E o céu que então imaginava
De luz transbordava pra fazer refém
Os sonhos da mulher amada

Que desavisada não olhava além
E o corte do primeiro sonho
Eu hoje reponho e quero ser feliz
E saio desse abandono

Pra dizer cantando o que ninguém me diz
Que eu vi casais em novas ruas
Desfazendo as juras e apagando a luz
Amigos dando indiferença

E quem fazia falta não fazia jus
Ouvi o som da mata escura
Refletira a chuva que ia cair
O achado achando quem procura

E a menina triste morrendo de rir
E sem saber o que sentia
Que eu não sei de nada e não faço questão
Olhei pro sol da madrugada
Pisquei pro olho d'água e fiz essa canção

Compositor: Léo Pinheiro e Oswaldo Montenegro

Letra enviada por Renato Araújo

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a Léo Pinheiro no Vagalume.FM

MIX DE MÚSICAS