Kings Of Leon

100,000 People (tradução)

Kings Of Leon


100. 000 Pessoas


Me inclino para a Lua, onde o rio flui

Cortado pelo tecido frio do inverno

Preso pela voz que ninguém ouve

Estive por perto de certa maneira por anos

Seu coração se afasta quanto mais você sabe

Todo arrumado sem ter para onde ir

Coloque de lado aquela dos seus sonhos

Pegue o que você quer, não o que você precisa


Jogos de salão e jornal das 6 horas

Mãos de um estranho te tocando

Bem acordado envolto em um sonho

Nem tudo não é o que parece

Todo o seu tempo é enviado pelo céu

Dias e noites começam a se misturar

Não é como se esta cidade fosse te libertar

Quanto mais você olha, menos você vê


A mesa está posta, a rosa está aberta

Você sabe o que é isso

A quilômetros de distância de lugares onde você esteve

A chamada foi feita para fechar as cortinas

O começo de algo novo

Ainda assim nada me faz sentir do jeito

Você, você, você, você

Você, você, você, você

Você, você, você, você

Você, você, você, você


Aqueles que eles dizem que já vieram aqui antes

Se reúnem em volta do corredor

Não consigo reconhecer seu nome

Eu conheço o rosto que não consigo explicar

Na minha mente, você é tudo

Os lábios não se movem, mas as vozes ainda soam

A luz interior perdeu seu brilho

Quanto mais você vê, menos você sabe


A mesa está posta, a rosa está aberta

Você sabe o que é isso

A quilômetros de distância de lugares onde você esteve

A chamada foi feita para fechar as cortinas

O começo de algo novo

Ainda assim nada me faz sentir do jeito

Você, você, você, você

Você, você, você, você

Você, você, você, você

Você, você, você, você


As estações mudam

Minha mente se apaga

As estrelas desaparecem

Mas uma continua igual


Você, você, você, você

Você, você, você, você


Devo, sua majestade

Desvendar o rosto

Só para dizer

Que nada substitui

100,000 People


Rake at the moon where the river flows

Cut from the cloth of the winter's cold

Bound by the voice that no one hears

I've been around in a way for years

Stray from the heart the more that you know

All gussied up with no place to go

Table side the one of your dreams

Get what you want not what you need


Parlor games and 6 o'clock news

Hands of a stranger touching you

Wide awake incased in a dream

Everything is not as it seems

All your time is heaven sent

Days and the nights all start to blend

It's not like this town to set you free

The more you look the less you see


The tables set the rose is out

You know what this is

Miles away from places you have been

The call was made to pull the shades

The start of something new

Still nothing makes me feel the way

You do, you do, you do, you do

You do, you do, you do, you do

You do, you do, you do, you do

You do, you do, you do, you do


The ones they say have come here before

All gather 'round in the corridor

I can't place your name

I know the face that I can't explain

In my mind you're everything

Lips don't move but voices still ring

The light inside has lost its glow

The more you see the less you know


The tables set the rose is out

You know what this is

Miles away from places you have been

The call was made to pull the shades

The start of something new

Still nothing makes me feel the way

You do, you do, you do, you do

You do, you do, you do, you do

You do, you do, you do, you do

You do, you do, you do, you do


The seasons change

My mind erased

The stars all fade

But one remains the same


You do, you do, you do, you do

You do, you do, you do, you do


Must I your grace

Unveil the face

Only to say

Nothing takes the place

Letra enviada por

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

ÚLTIMAS

ESTAÇÕES

ARTISTAS RELACIONADOS