Keane
Página inicial > Piano Rock > K > Keane > myth > Tradução

Myth (tradução)

Keane

The Best of Keane


Mito


Você construiu-se, tijolo por tijolo

Colocando o seu coração nesse mito sem fundamento


Entalhando em como uma criança

Tirando sua roupa quando chovia forte

Você parar para corrigir o seu rosto, outra pessoa entrou

e tomou o seu lugar

Agora tudo que você quer sabia, está correndo em círculos ao redor de você

Uma porta de carro batendo na estrada, isto lhe tortura como um chute

A mensagem de ano atrás no seu telefone toca seu coração

quando você não consegue se esconder


Eu lhe vejo no sinal da estação de trem

Eu lhe vejo você na fila de supermercado

Eu vejo sua silhueta na parede

Mas eu não me vejo mais lá mesmo


Esta fantasia e rejeição de palavras

É o rabo abanando da vizinhança

A ocupação em conforto custoso

E conseguir sentir o gosto do drama

Você olha através de estúpidos espetáculos diurnos

E amaldiçoa a si mesmo um velho idoso

Você olha também para o telefone que machuca

E se Lembra de um outro mundo


Eu lhe vejo sem tetos no céu

Eu vejo você na parada de escada lá fora

Eu vejo sua silhueta na parede

Mas eu não me vejo mais lá mesmo


Eu vejo você na doçura da nossa criança

Te vejo no corredor do supermercado

Eu vejo você e eu estou ajoelhado no chão

E não consigo me ver nunca mais


Tempos difíceis pesam a mão

Pedra ou planta fervente

A sua faces me choca, gira ao redor de mim

Mas eu não vou deitar


Tempos difíceis moldam-me ao osso

A face revela, o nariz sangra

Em choque, rastejando pelo chão

Mas ainda não vou descansar


Eu não vou me deitar

Não, eu não vou descansar

Eu não vou me deitar

Myth


You built it up, brick by brick,

Put your heart into this baseless myth


Notching it in like a child

Undress its when it rain wild,

You stop to fix your face, someone else step in,

and took your place

Now everything you want knew, is running in circles around you

A car door slamming in your road, it tortures like a kick inside.

A year old message on your phone that catches you

when you can't hide.


I see you in the service station sign,

I see you in the supermarket line,

I see your silhouette on the wall,

But I don't see myself there at all.


This fancy and bounce of words(word?),

Is the wagging tail of the neighbourhood,

The busy in cost confort,

And get that taste of the drama,

You stare through mindless daytime shows,

And curse yourself a growing old,

You stare also into your shaving phone,

Reminds you of another world


I see you in the roofless, on the sky

I see you in the ladder stop outside,

I see your silhouette on the wall,

But I don't see myself there at all.


I see you in the sweetness of our child,

I see you supermarket aisle.

I see you and I kneeling on the floor,

And I can't see myself anymore.


Hard times got the over hand

Stone or fervor plant,

Your faces shock me, spin me around,

But I won't lie down


Hard times shape me to the bone,

Face proves, bloody nose,

Shell-shocked, crawling on the ground,

Still I won't lie down


I won't lie down

No, I won't lie down

I won't lie down

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

ÚLTIMAS

ESTAÇÕES

ARTISTAS RELACIONADOS