Cancioncita de Amor (tradução)

Juan Luis Guerra


Amor cantiga


Ay! amor, este coração nunca se cansa

te amo dia e noite

Ay! amor, concurso como um sopro de verão

Não há dobras ou quebras


vai passar os meses e anos

vai passar os céus ea cantora

Terra vai passar sua agenda Sol

mas nunca passar este amor


Ay! amor, este coração só hidrata

com os beijos da sua boca

Ay! amar e só o amor não pede nada

seu tempo e prematura


vai gastar séculos e mares

vai passar o gemido da flor

vai passar o mais sábio dos homens, eu sei

mas nunca passar este amor


Que você não me conhece

eu cantar todas as manhãs

um pouco de música para o ouvido

Tuck você e fechar a janela

assim você não sente frio


boas-vindas todas as manhãs

O despertar do seu cabelo

Seu riso é a pele da minha alma

e seus olhos minhas estrelas


Ay! amor, para sempre, não é suficiente

quando o tempo cai


vai aprovar leis, teorias

vai passar o profeta e seu clamor

vai passar a lua com sua luz clivagem

mas nunca passar este amor


Que você não me conhece

eu cantar todas as manhãs

um pouco de música para o ouvido

Tuck você e fechar a janela

para que você não sentir frio


boas-vindas todas as manhãs

O despertar do seu cabelo

Seu riso é a pele da minha alma

e seus olhos minhas estrelas


eu cantar todas as manhãs

uma pequena canção de amor


(e ouro, e ouro, e ouro)

(e ouro, e ouro, e ouro)

(e ouro, e ouro, e ouro)


(Você não me conhece

Eu canto todos os dias)

minha cantiga cedo

(Você não me conhece, você não me conhece)


(O que você não me conhece

Eu canto todos os dias)

dobrá-lo, beijá-lo

até eu fechar a janela

(O que você não me conhece, você não me conhece)


(Você não me conhece

Eu canto todos os dias)

vai gastar as histórias do meu passado, hey

mas esse amor nunca acontece

(O que você não me conhece, você não me conhece)


e seu beijo é, ojooye!

(O que você não me conhece

eu cantar todas as manhãs

Você não me conhece)

Cancioncita de Amor


Ay! amor, este corazón nunca se cansa

de quererte día y noche

Ay! amor, tierno como un soplo de verano

No se dobla ni se rompe


Pasarán los meses y los años

Pasarán los cielos y el cantor

Pasará la Tierra con su agenda de Sol

pero nunca pasará este amor


Ay! amor, este corazón sólo se hidrata

con los besos de tu boca

Ay ! amor, y no pide nada solo amarte

a su tiempo y a deshora


Pasarán los siglos y los mares

Pasará el gemido de la flor

Pasará el más sabio de los hombres, lo sé

pero nunca pasará este amor


Que tú no sabes que yo

te canto todas las mañanas

una cancioncita al oido

Te arropo y cierro la ventana

para que tú no sientas frío


Celebro todas las mañanas

El despertar de tus cabellos

Tu risa es la piel de mi alma

y tus ojitos mis luceros


Ay! amor, una eternidad no es suficiente

cuando el tiempo se enamora


Pasarán las leyes, las teorías

Pasará el profeta y su clamor

Pasará la luna con su escote de luz

pero nunca pasará este amor


Que tú no sabes que yo

te canto todas las mañanas

una cancioncita al oido

Te arropo y cierro la ventana

para que tu no sientas frío


Celebro todas las mañanas

El despertar de tus cabellos

Tu risa es la piel de mi alma

y tus ojitos mis luceros


Te canto todas las mañanas

una cancioncita de amor


( y oro, y oro, y oro )

( y oro, y oro, y oro )

( y oro, y oro, y oro )


(Tú no sabes que yo

te canto cada mañana)

mi cancioncita temprano

(Tú no sabes que yo, tú no sabes que yo)


(Que tú no sabes que yo

te canto cada mañana)

te arropo, te beso

y hasta cierro la ventana

(Que tú no sabes que yo, tú no sabes que yo)


(Tú no sabes que yo

te canto cada mañana)

Pasarán las historias de mi pasado, oye

pero éste amor nunca pasa

(Que tú no sabes que yo, tú no sabes que yo)


y con tus besos se trata, ojooye !

(Que tú no sabes que yo

te canto cada mañana

Tú no sabes que yo)

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

ÚLTIMAS

MIX DE MÚSICAS

ARTISTAS RELACIONADOS