Página inicial > J > José Maia > Bugiu Danado

Bugiu Danado

José Maia


O bugiu danado
O bugio é danado
O bugio é dançador
Quando chega no fandango
Dança atê sentir calor (estribilho)

Bugio conhecido lá no rincão
É taura animado numa marcação
No ritmo quente do velho bugio
Atê no inverno ninguém sente frio
Aos velhos aos jovens ele da o recado
Velhas de noventa recordam o passado

Nos bailes e festa o bugio sempre está
Diverte o povo fazendo dançar
Namoros que surgem nesta ocasião
Nem prenda bonita lhe da um carão
Se aprenda é mesquinha com ele não leva
Só tem que dançar com este bugio danado

O baile se anima pela madrugada
E o bugio contente com a rapaziada
Gaiteiro não dorme recém que tá bom
E o bugio tá danado e cheio de paixão
Se esta frio o calor não importa é igual
O bugio no fandango é tradicional

Letra enviada por

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a José Maia no Vagalume.FM

MIX DE MÚSICAS