La Copa Rota (tradução)

José Feliciano


La Copa Rota


Atordoado e oprimido pela dúvida

ciumento parece triste na cantina de um boêmio e sem fé

pilha de nervos e chorando, impotente como um

atormentado louca por que era ingrato


Ele parece sempre acompanhada de bons amigos

acompanham e diz a ela já é bom licor

sanado sem lágrimas, nada veio sanado com

Pelo contrário, quanto mais o seu coração lembra


Uma noite como um louco, pouco

copo de vinho e fez uma ponta

esmagando sua boca e jorrando sangue

é confundida com vinho e cantina este grito tudo estremeceu


Sem pressa companheiro se

mutilado minha boca não é que eu quero correr para a borda do copo

apagar a marca de um beijo, ele me deu traiçoeiro


Mozo, despeje me, despeje me

vidro quebrado que me destrói, essa febre de obsessão

Mozo, serve-me, o vidro quebrado eu sangro

gota a gota o veneno do seu amor


por gustavo lacerda

La Copa Rota


Aturdido y abrumado, por la duda de los celos

se ve triste en la cantina a un bohemio ya sin fe

con los nervios destrozados y llorando sin remedio

como un loco atormentado por la ingrata que se fue.


Se ve siempre acompañado del mejor de los amigos

que le acompaña y le dice ya esta bueno de licor,

nada remedia con llanto, nada remedia con vino

al contrario, la recuerda mucho mas tu corazón.


Una noche como un loco, mordió la copa de vino

y le hizo un cortante filo, que su boca destrozo

y la sangre que brotaba, confundiose con el vino

y en la cantina este grito a todos estremeció.


No se apure compañero si me destrozo la boca

no se apure que es que quiero con el filo de esta copa

borrar la huella de un beso, traicionero que me dio.


Mozo, sírveme, la copa rota

sírveme que me destroza, esta fiebre de obsesión.

Mozo, sírvame, la copa rota

quiero sangrar gota a gota, el veneno de su amor.


by gustavo lacerda

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

ÚLTIMAS

MIX DE MÚSICAS

ARTISTAS RELACIONADOS