Lagrimas Negras (tradução)

Jorge Rojas


Lagrimas Negras


Mesmo se você me lançar em ruína

Embora eu faço todos os meus sonhos morreram

Em vez de amaldiçoar com apenas amargura

Nos meus sonhos eu alta

Nos meus sonhos eu com bênçãos


sofrem imensa dor da sua perda

sentir a dor profunda de sua falsidade

E eu choro sem você saber que as minhas lágrimas

tem lágrimas negras

tem lágrimas negras como a minha vida


Tu me querer sair, eu não quero sofrer

Com você eu sou o meu santo, se custa-me morrer

Tu me querer sair, eu não quero sofrer

Com você eu sou o meu santo, se custa-me morrer


segundo pensei que meu preto

Eu não quero morrer

não quero sofrer

eu quero estar com você


Um jardineiro do amor

Plantando uma flor e folhas

Outra virá e cultivo

Depois de outra vontade

Lagrimas Negras


Aunque tú me haz echado en el abandono

Aunque ya haz muerto todas mis ilusiones

En vez de maldecirte con justo encono

En mis sueños te colmo

En mis sueños te colmo de bendiciones.


Sufro la inmensa pena de tu extravío

Siento el dolor profundo de tu falsía

Y lloro sin que sepas que el llanto mío

Tiene lágrimas negras

Tiene lágrimas negras como mi vida.


Tu me quieres dejar, yo no quiero sufrir

Contigo me voy mi santa, aunque me cueste morir

Tu me quieres dejar, yo no quiero sufrir

Contigo me voy mi santa, aunque me cueste morir


Pensándolo bien mi negra

Yo no me quiero morir

No quiero seguir sufriendo

Yo quiero estar junto a ti.


Un jardinero de amor

Siembra una flor y se va

Otro llegará y el cultivo

Después del otro será.

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

MIX DE MÚSICAS

ARTISTAS RELACIONADOS