Ela Vem

Jorge de Altinho


Já fui no botequim
Já fui de farmesim
Mas vou esperar
Se trancaram ela
Pula a janela e vem pra cá
Rato bate no gato
Vem até sem sapato pra ninguém acordar
Dá cobra em dezessete
Chove canivete e ela vem dançar
Ela vem ela vem
Nem que o mundo se acabe
Todo homem hoje sabe a mulher que tem
Pensando no forró
Sabendo que eu tô só e sou enxerido
Que só danço agarrado
Que não dá resultado mas é divertido
Desejando os acocho e aqueles amorôcho
Que a gente tem
Era virar a beira
Pode ir pela telha e vem pro xenhenhêm

Compositor: Jorge De Altinho

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a Jorge de Altinho no Vagalume.FM

MIX DE MÚSICAS

ARTISTAS RELACIONADOS