Suga Suga

João Penca & Seus Miquinhos Amestrados

João Penca e Seus Miquinhos Amestrados


Conde Boca, um anjo do inferno
Sedutor, um vampiro pós-moderno
Não durmo em caixão e não uso capa preta
Não gosto de morcego, prefiro uma ninfeta
Mas viro um bicho quando beijo teu pescoço
Suga, Suga, Suga, Suga

Come alho e não mora em castelo
Vai à praia de bermuda e chinelo
Nem sei aonde fica essa tal da Trasilvânia
Um dia largo tudo e vou morar na Disneylândia
Mas viro um bicho quando beijo teu pescoço
Suga, Suga, Suga, Suga

Só bebo sangue bom, tipo B integral
Só como sanduiche sobrenatural
Eu cuido de meus dentes, uso creme dental
Não sei por que essa fama de mau
Suga, ah, Suga, Suga

Conde Boca um anjo do inferno
Sedutor, um vampiro pós moderno
Não durmo em caixão e não uso capa preta
Não gosto de morcego, prefiro uma ninfeta
Mas viro um bicho quando beijo teu pescoço
Suga, Suga, Suga, Suga

Só bebo sangue bom, tipo B integral
Só como sanduiche sobrenatural
Eu limpo bem dentes, uso fio dental
Não sei por que essa fama de mau
Suga, ah, Suga, Suga

Suga, Suga, Suga, Suga
Suga, Suga, Suga, Suga
Suga, Suga, Suga, Suga
Suga, Suga, Suga, Suga

Ahuuuuuuu
Ahuuuuuuu
Ahuuuuuuu
Ahuuuuuuu

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a João Penca & Seus Miquinhos Amestrados no Vagalume.FM

ÚLTIMAS

MIX DE MÚSICAS

ARTISTAS RELACIONADOS