Meu Último Amor

João Mineiro e Marciano

Os Inimitáveis - Volume 4


Ao cair da tarde nesta praça triste
Contemplando as flores e ouvindo os pardais
Sinto envolver-me a grande saudade
Da mulher querida que amo demais
Dos grandes amores na tive na vida
Aquela coloco entre as principais
Mas se, porventura um dia esquecer-me
Eu desapareço para nunca mais

Por que eu fui conhecê-la?
E agora padeço por que, meu Senhor?
Eu que dei carinhos a tantas mulheres
Mas esta será o meu último amor

Quase por acaso nos conhecemos
Um olhar, um beijo e o amor nasceu
Igual a história da bola de neve
Na rampa do tempo rolou e cresceu
Sei que muita gente pode condenar-me
Mas da minha vida quem sabe sou eu
Ela pode ter um milhão de defeitos
É a mulher amada que a vida me deu

Compositor: Goiá/Waldemar de Freitas Assunção

Letra enviada por lincoln greik dos santos

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a João Mineiro e Marciano no Vagalume.FM

ÚLTIMAS

MIX DE MÚSICAS

ARTISTAS RELACIONADOS