Página inicial > J > João Falcão Castanho > Pagode da Vizinha

Pagode da Vizinha

João Falcão Castanho


Pagode Da Vizinha


Refrão
O pagode da vizinha me encantou
O pagode da vizinha me enfeitiçou

O Zezinho foi que me convidou
Para a festa do palhaço alecrim
Cheguei em casa as sete da manha
Estava na farra no samba do botequim

Com amigos que encontrei por lá
Começamos todos a beber
Ensinando as meninas a bailar
Sem pegação e sem querer se envolver

A noitada esquentou intensamente
A molecada estava toda sorridente
Com a morena que começou a swingar
Envolvendo completamente a gente

O bom momento da festa acabou
Era hora de recolher a sacolinha
Porque na farra a morena que sambou
A mulher mulata era a minha nova vizinha

Refrão
O pagode da vizinha me encantou
O pagode da vizinha me enfeitiçou
O pagode da vizinha me alavancou
O pagode da vizinha me levantou
Mulher ingrata que me aquebrantou
Mulher sedutora que no samba arrebentou

Compositor: JOÃO FALCÃO CASTANHO

Letra enviada por JOAO FALCAO CASTANHO

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a João Falcão Castanho no Vagalume.FM

MIX DE MÚSICAS