Carcará

João do Vale


Carcará
Lá no sertão
É um bicho que avoa que nem avião
É um pássaro malvado
Tem o bico volteado que nem gavião

Carcará
Quando vê roça queimada
Sai voando, cantando,

Carcará
Vai fazer sua caçada
Carcará come inté cobra queimada

Mas quando chega o tempo da invernada
No sertão não tem mais roça queimada
Carcará mesmo assim num passa fome

Os burrego que nasce na baixada
Carcará
Pega, mata e come
Carcará

Num vai morrer de fome
Carcará
Mais coragem do que homem
Carcará

Pega, mata e come
Carcará é malvado, é valentão
É a águia de lá do meu sertão
Os burrego novinho num pode andá

Ele puxa o umbigo inté matá
Carcará
Pega, mata e come
Carcará

Num vai morrer de fome
Carcará
Mais coragem do que homem
Carcará

Compositor: João do Vale e José Cândido

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a João do Vale no Vagalume.FM

MIX DE MÚSICAS

ARTISTAS RELACIONADOS