Página inicial > J > João Carlos > Gruta dos Desejos

Gruta dos Desejos

João Carlos


Foi passeando nas estrelas que eu aprendi
Que ser pequeno não é erro seja o fim qual for
Se me esconder com medo de brilhar
Como uma nova nascente a embriagar

Foi somando com os dedos que aprendi contar
Histórias novas desprezadas por alienar-me
Se engrenar for um erro
Morrerei no desespero de sonhar

Com a gruta dos desejos
Com o impossível
Com a força dos meus medos
Com o infinito

Espaçonave pesa ativa personalidade
Na lua os olhos de admiração pela vontade
De sua face abrangente a espalhar
A condução do manto grego a encobrir

Com a gruta dos desejos
Com o impossível
Com a força dos meus medos
Com o infinito

Letra enviada por Joao Carlos Santos

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a João Carlos no Vagalume.FM

MIX DE MÚSICAS