Baranga

João Brasil


Baranga
Cheia de marra
Cintura de ovo
Pega quem quiser, mas tem que chegar

É só chegar na night e ver "qualé" da situação
Mulherada muito doida já dançando até o chão
O cheiro de álcool se espalha no salão
Já vejo a galera se pegando

Pode chegar, cinturar, a guerra começou
Guerreiro que é guerreiro, faz zig zig za a
Não tô nem aí pro que os outros vão achar
Se a baranga me der mole eu pego "mermo"

Agora vem, me diz, quem é mais feliz
Barangueiro que se preze, sempre pede bis
Vou partir pra dentro sem perdão da mulher mais sinistra que se encontra dançando nessa pista

Baranga
Cheia de marra
Cintura de ovo
Pega quem quiser, mas tem que chegar

Baranga
Cheia de marra
Cintura de ovo
Pega quem quiser, mas tem que chegar

É baranguinha gostosinha, quentinha
É baranguinha gordinha que me alegra demais (4x)

Ela é muito feminina
Parece uma empadinha
Nunca te apurrinha
E perde a linha demais

Ela é muito feminina
Parece uma empadinha
Nunca te apurrinha
E perde a linha demais

Baranga
Cheia de marra
Cintura de ovo
Pega quem quiser, mas tem que chegar (4x)

agora vem me diz,
quem é mais feliz?
barangueiro que se preze,
sempre pede biz

vou partir pra dentro
sem perdão da mulher mais sinistras
que se encontra dançando nessa pista!

(refrão)

é baranguinha gostosinha,
quentinha, (3x)
baranguinh gordinha,
que me alegra demais

ela é muito feminina,
parece uma empadinha, (2x)
nunca te apurinha,
e perde a linha dimais.


por Gustav Block

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a João Brasil no Vagalume.FM

MIX DE MÚSICAS

ARTISTAS RELACIONADOS