Página inicial > MPB > J > João Bosco > Dois Mil E Índio

Dois Mil E Índio

João Bosco

O Bêbado e a Equilibrista


Eu vou como eu vim:
de chinelo, pareô, cocar...
guizo de arlequim
e gorro de pierrô pra despistar...
oiô oiô oiôiôiô
arco e flecha - só pra embaralhar!
oiô oiô oiôiôiô
sou banzo que bateu num baobá.

Minha fantasia é beduíno, barba-azul, bêibe,
é de meretriz e lêide,
é pó-ca-rô-pé-tô-da-lô
cavaco em "Moonlight Serenade".
O Glen Miller toca frevo e toca até maracatú,
Tá faltando um no zum-zum-zum...
eu vou dançar marcha-rancho
ái, eu vou cantar samba-enredo
vou chorar brasileirinho que nem o Waldir Azevedo
eu vou de fraque sabendo
que o fundo tá aparecendo
Anjo do Inferno: Brasil,
Índio do ano 2000

Compositor: João Bosco/aldir Blanc

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a João Bosco no Vagalume.FM

MIX DE MÚSICAS

ARTISTAS RELACIONADOS