Sweet Sir Galahad (tradução)

Joan Baez


Gentil Senhor Galahad


(letra e música de Joan Baez)


O gentil Senhor Galahad

entrou pela janela

na noite em que a lua tomava o quintal.

Ele tomou a mão dela na sua

e tirou o seu longo cabelo

de sua garganta e lhe disse

que ela estava trabalhando árdua e demasiadamente

Era verdade desde o dia

que seu enlouquecido amado partiu

para a terra do orgulho poetil,

ela riu e conversou bastante

com as novas pessoas do quarteirão

mas sempre chorava ao anoitecer


E aqui está para o alvorecer de seus dias.


Moveu sua cabeça

um pouco para baixo na cama

até pousar suavemente em seu joelho.

E lá soltou seu sorriso

e lá suspirou profundamente por um momento,

e contou-lhe sobre suas tristezas

daqueles três anos

Bem, você sabe que acho que o meu fado está atrasado demais

por causa de todas as horas que ansiei

pelo dia em que eu não mais chorasse.

Eu começo a trabalhar pelas oito

mas ô, nasci tarde demais,

e você acha que eu falharei

com cada coisinha que tento?


E aqui está para o alvorecer de seus dias.


Ele apenas a enlaçou em seus braços

e eis a maneira como a encontrei

oito meses desde aquele dia.

As linhas apagadas de um sorriso

os rastros de lágrimas em seu rosto,

um sorriso podia estender-se, até mesmo perdurar.

O gentil senhor Galahad foi para o sepulcro

com sua alegre noiva de flores,

o príncipe das horas

de sua vida eterna.


E aqui está para o alvorecer

de seus dias,

de seus dias.






Sweet Sir Galahad


(Words and Music by Joan Baez)


Sweet Sir Galahad

came in through the window

in the night when

the moon was in the yard.

He took her hand in his

and shook the long hair

from his neck and he told her

she'd been working much too hard.

It was true that ever since the day

her crazy man had passed away

to the land of poet's pride,

she laughed and talked alot

with new people on the block

but always at evening time she cried.


And here's to the dawn of their days.


She moved her head

a little down on the bed

until it rested softly on his knee.

And there she dropped her smile

and there she sighed awhile,

and told him all the sadness

of those years that numbered three.

Well you know I think my fate's belated

because of all the hours I waited

for the day when I'd no longer cry.

I get myself to work by eight

but oh, was I born too late,

and do you think I'll fail

at every single thing I try?


And here's to the dawn of their days.


He just put his arm around her

and that's the way I found her

eight months later to the day.

The lines of a smile erased

the tear tracks upon her face,

a smile could linger, even stay.

Sweet Sir Galahad went down

with his gay bride of flowers,

the prince of the hours

of her lifetime.


And here's to the dawn

of their days,

of their days.


© 1968, 1970 Chandos Music (ASCAP)



Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

ÚLTIMAS

MIX DE MÚSICAS

ARTISTAS RELACIONADOS