Lady Mary (tradução)

Joan Baez


Lady Mary


Ele veio de seu palácio grande

Ele veio à minha porta da casa

Suas palavras foram poucas, mas sua aparência

permanecerá para sempre

O olhar em seus olhos escuros tristes

mais suave do que as palavras poderiam ser

Mas eu não era nada com ele

E ele era o mundo para mim


Há em seu jardim que ela está

Todos vestidos em cetim fino e rendas

Lady Mary tão fria e tão estranho

Em seu coração, ela não conseguia encontrar lugar

Ele sabia que eu seria sua noiva

Com um beijo para uma taxa vida

Mas eu não era nada com ele

E ele era o mundo para mim


Agora, em seu palácio grande

Em uma cama espalhado flor que ele se encontra

Seus belos tampas estão fechadas

Em suas tristes belos olhos escuros

E entre as carpideiras que choram

Por que eu deveria ser um enlutado

Por que eu não era nada com ele

E ele era o mundo para mim


Por que eu não era nada com ele

E ele era o mundo para mim


Lady Mary


He came from his palace grand

He came to my cottage door

His words were few but his looks

Will linger for evermore

The look in his sad dark eyes

More tender than words could be

But I was nothing to him

And he was the world to me.


There in her garden she stands

All dressed in fine satin and lace

Lady Mary so cold and so strange

In her heart she could find no place.

He knew I would be his bride

With a kiss for a lifetime fee

But I was nothing to him

And he was the world to me.


Now in his palace grand

On a flower strewn bed he lies

His beautiful lids are closed

On his sad dark beautiful eyes

And among the mourners who mourn

Why should I a mourner be

For I was nothing to him

And he was the world to me.


For I was nothing to him

And he was the world to me.


Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

ÚLTIMAS

MIX DE MÚSICAS

ARTISTAS RELACIONADOS